24 de agosto de 2014

O QUE É FEBRE?

A febre é um dos sinais clínicos mais comuns no ser humano e se caracteriza por uma elevação acima da média da temperatura corporal. A febre é tão comum que a maioria de nós nunca parou para pensar no seu real significado.

Publicidade

Neste artigo abordaremos as seguintes questões sobre a febre:

  • O que é febre?
  • Existe febre interna?
  • Como surge a febre?
  • Para que serve a febre?
  • Quais os sintomas da febre?
  • Ter febre é bom ou é ruim?
  • Qual é o tratamento da febre?
  • Quais são as principais causas de febre?

O que é febre?

O corpo humano apresenta uma temperatura normal entre 36 e 37,5ºC. Ela sofre alterações ao longo do dia, estando mais próxima de 36ºC durante a madrugada e mais para 37,5ºC no final da tarde. Esta variação é chamada de ciclo circadiano da temperatura corporal. Uma temperatura de 37,5ºC no início da manhã tem muito mais relevância do que esta mesma temperatura no final do dia.

Algumas pessoas têm naturalmente temperaturas um pouco mais elevadas que outras, podendo apresentar algo em torno de 37,5ºC ao final do dia sem que isso tenha qualquer significado clínico.  Por outro lado, há aqueles que possuem temperatura basal mais baixa, às vezes próximo de 35,5ºC. Nestes, uma temperatura de 37,5ºC é algo bem acima do seu normal. Portanto, antes de se diagnosticar uma febre, é importante saber qual a temperatura habitual do paciente.

TermômetroConsideramos febre a elevação da temperatura corporal acima da média do paciente. Como muitas vezes não temos um histórico da variação habitual da temperatura de cada indivíduo, usamos os valores médios encontrados em estudos para definir os limites de temperatura que indicam febre.

É importante termos em mente também que o modo como medirmos a temperatura corporal pode fornecer resultados diferentes. Quanto mais próximo do centro do corpo, maior será a temperatura.

Podemos aferir a temperatura corporal de quatro maneiras, com resultados diferentes:

  • Temperatura axilar – normal até 37,2ºC.
  • Temperatura oral (boca)  – normal até 37,5ºC.
  • Temperatura timpânica (ouvido) – normal até 37,5ºC.
  • Temperatura retal (ânus) – normal até 38ºC.

Aumentos da temperatura corporal podem ocorrer em situações que não indicam doença, como exercício físico, ambientes muito quentes ou frios, excesso de roupa ou alterações no ciclo hormonal feminino. Mulheres durante o período de ovulação apresentam um aumento de até 0,5ºC na sua temperatura corporal.

Para evitar fatores confusionais, normalmente consideramos febre uma temperatura maior que 37,5ºC na axila ou 38ºC no ânus.

Chamamos de febrícula, ou estado subfebril, os aumentos de temperatura entre 37,2ºC e 37,8ºC, que muitas vezes não apresentam significado clínico ou indicam doenças não infecciosas (explico mais à frente).

Existe febre interna?

Na verdade, toda febre é interna, pois a temperatura se eleva no centro do nosso corpo e por transmissão chega à pele. Porém, não existe a possibilidade do paciente ter febre e ela não ser perceptível pelo termômetro. Se a temperatura do corpo se eleva, o termômetro a captará. Não existe o que as pessoas costumam chamar de febre interna, que seria supostamente um estado de febre que ficaria restrito ao interior do corpo, não sendo identificado pelos termômetros. O nosso organismo é um só. A febre é o aumento da temperatura de todo o corpo, inclusive da pele. Se o termômetro não mostra febre, é porque não há febre. Não há como o corpo ter febre internamente e a pele não aquecer junto. Nosso corpo não é garrafa térmica para ficar quente por dentro e frio por fora.

Também é comum as pessoas dizerem que estão com febre na perna ou febre na mão. Isso também não existe. Realmente é possível termos um aumento de temperatura apenas de uma parte específica do corpo, mas isto não é febre. O aumento localizado ocorre em alguns processos inflamatórios, como em inflamações de uma articulação, como nos casos de crise de gota (leia: ÁCIDO ÚRICO | GOTA | Sintomas e dieta) ou em infecções da pele, como na erisipela (leia: ERISIPELA | CELULITE | Sintomas e tratamento), por exemplo. Normalmente esta inflamação localizada também apresenta, além do aumento de temperatura, dor e vermelhidão local.

Como surge a febre?

A temperatura do nosso corpo é controlada por uma região do cérebro chamada hipotálamo, que funciona como uma espécie de termostato. Em média, nosso termostato fica ajustado para 36,5ºC, que é a temperatura ideal para o funcionamento do nosso organismo. Já explicamos, porém, que em algumas pessoas o termostato pode ficar ajustado para uma temperatura mais próxima de 37ºC sem que isso tenha qualquer relevância clínica. A média habitual de cada indivíduo é chamado de setpoint da temperatura

O hipotálamo age de modo a evitar grandes variações na temperatura do corpo, aumentando a perda de calor quando está mais quente e aumentando a produção de calor quando está frio. Obviamente, nosso corpo tem um limite e se a temperatura ambiente estiver muito diferente da nossa temperatura corporal precisaremos de ajuda artificial, como casacos ou ar-condicionado.

Quando somos invadidos por micróbios, como vírus e bactérias, nosso corpo ativa suas células de defesa para combater estes germes. Durante a batalha entre os glóbulos brancos e os invasores, os primeiros produzem substâncias que levam à produção de prostaglandinas, mediadores inflamatórios que ajudam no combate às infecções. As prostaglandinas são as substâncias responsáveis pela presença de inflamação e dor, e quando alcançam o hipotálamo, fazem com este aumente a temperatura corporal. O hipotálamo sob o efeito das prostaglandinas passa a induzir o nosso organismo a produzir calor e aumentar o seu setpoint. Em vez de 36,5ºC, o corpo agora passa a considerar sua temperatura correta em algum ponto acima dos 38ºC.

Com a elevação do setpoint, o hipotálamo passa a mandar o organismo se aquecer. O corpo gera calor de várias maneiras, através da contração muscular, dos calafrios, da constrição dos vasos sanguíneos da pele, da aceleração dos batimentos cardíacos, etc. O corpo fará o que for preciso para gerar e preservar calor até chegar a temperatura desejada pelo hipotálamo. Neste momento você está todo encolhido, tremendo, cheio de roupa e debaixo de um cobertor.

A temperatura de 36,5ºC só é restabelecida quando há diminuição do estímulo das prostaglandinas. É por isso que os anti-inflamatórios e antitérmicos, drogas que inibem as prostaglandinas, atuam sobre a febre (leia: ANTI-INFLAMATÓRIOS | Ação e efeitos colaterais). Estas drogas eliminam as prostaglandinas circulantes, suspendendo o estímulo que o hipotálamo estava recebendo para aumentar a temperatura do corpo.

Quando as prostaglandinas diminuem, o hipotálamo volta a reduzir o setpoint, e o corpo, para rapidamente reduzir sua temperatura, provoca uma sudorese intensa, dissipando o calor. É por isso que, às vezes, suamos muito depois de tomar algum antitérmico. O suor é um dos modos do organismo perder calor rapidamente.

Por que quando fazemos exercícios sentimos calor e quando temos febre sentimos frio, já que nos dois casos ocorre elevação da temperatura corporal?

A resposta para a pergunta está no setpoint estabelecido pelo hipotálamo. O frio ou o calor são na verdade uma interpretação do cérebro para o nossa temperatura corporal, e não necessariamente têm a ver com a temperatura ambiente.

No caso do exercício físico o nosso cérebro está programado para manter a temperatura por volta dos 36,5ºC. Quando os nossos músculos geram uma grande quantidade calor, o cérebro reconhece que o corpo está se aquecendo, estando acima da temperatura estabelecida como correta, e passa a tomar providências para esfriá-lo. Suamos muito e nosso vasos da pele ficam bem dilatados, o que facilita a dissipação do calor do sangue.

Na febre, o hipotálamo programa o termostato para, por exemplo, 40ºC. Enquanto o corpo não chegar a esta temperatura, o cérebro vai mandar informações dizendo que está frio. Podemos estar com 38,5ºC de febre e ainda assim o cérebro interpretará isso como temperatura corporal baixa. Além disso, a contrição dos vasos da pele também colabora. A pele é o principal meio de perda de calor. Quanto mais sangue há circulando na pele, mais calor perdemos. Durante a febre, o cérebro quer nos aquecer e boa parte do volume sanguíneo é desviado para o centro do nosso corpo, principalmente para nossos órgãos, deixando a pele menos perfundida. A diminuição do aporte de sangue para a pele ativa os sensores para calor que nela existem, levando à sensação de frio. O corpo sente frio porque a pele está mal perfundida.

Para que serve a febre?

As bactérias e vírus gostam de viver em temperaturas ao redor dos 36-37ºC. É o ponto onde eles são mais ativos. O aumento da temperatura corporal tem como objetivo atrapalhar as funções básicas dos invasores e também estimular a função das nossas células de defesa, que passam a funcionar melhor nessas temperaturas.

A febre também é um sinal de alerta que nos indica que algo de errado está acontecendo. Com a idade, perdemos progressivamente a capacidade de gerar calor, e muitos idosos apresentam infecções graves sem febre. A ausência de febre e seus sintomas fazem com que o doente demore mais tempo para procurar auxílio médico, o que favorece o desenvolvimento da sepse (leia : O QUE É SEPSE E CHOQUE SÉPTICO?).

Quais são os sintomas da febre?

A febre não é apenas uma aumento da temperatura corporal, ela habitualmente vem acompanhada de outros sinais e sintomas. Os mais comuns são o aumento da frequência cardíaca e respiratória. O coração aumenta sua frequência, em média, em 5 batimentos por minuto a cada 1ºC de elevação na temperatura corporal.

Os calafrios, como já explicados, são comuns e fazem parte do processo de elevação da temperatura do corpo. Do mesmo modo a sudorese também costuma surgir, geralmente no momento em que a febre começa a ceder.

A febre também costuma causar outros sintomas, como mal-estar, perda do apetite, prostração, dor de cabeça e dores pelo corpo. Em alguns casos, principalmente em idosos, a febre muito alta pode causar delirium. Nas crianças pequenas pode haver crise convulsiva (leia: EPILEPSIA | CRISE CONVULSIVA | Sintomas e tratamento).

Alguns indivíduos, principalmente idosos, recém-nascidos, insuficientes renais crônicos (leia: INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA | Sintomas e tratamento) e pacientes em uso de corticoides (leia: PREDNISONA E CORTICOIDES | Indicações e efeitos colaterais), podem não desenvolver febre. Estes pacientes, quando infectados, apresentam um quadro mais discreto, às vezes apenas com prostração e perda do apetite.

Se a febre ajuda no combate às infecções, por que então baixá-la?

Como acabei de explicar, a febre causa muitos sintomas desagradáveis. Se o paciente já está sendo corretamente tratado para a infecção ou se a febre é causada por algo não infeccioso, como câncer, doenças autoimunes ou exposição exagerada ao sol (explicarei as causas abaixo), ela tem pouca utilidade e sua eliminação melhora muito o bem-estar do paciente.

A febre é um sinal de defesa importante, mas ela não é indispensável no tratamento das infecções. Não há vantagens em deixar o paciente sentindo-se mal com temperaturas acima de 39,0ºC. Além disso, a febre em pessoas debilitadas, como em casos de anemia, insuficiência cardíaca ou pessoas muito idosas, pode causar descompensação destas suas doenças. Apenas como exemplo, para cada 1ºC de elevação na temperatura corporal há um aumento de 13% na demanda por oxigênio. Pacientes com doenças pulmonares podem não conseguir comportar este aumento do consumo de oxigênio pelas células.

Se temperaturas um pouco elevadas podem ajudar no combate aos invasores, quando acima dos 39,0ºC, este benefício parece desaparecer.

Tratamento da febre

A maioria dos casos de febre tem origem viral e se resolve espontaneamente após alguns dias. O uso de anti-inflamatórios ou antipiréticos ajuda a reduzir a febre temporariamente, melhorando o bem-estar do paciente. Estas drogas não agem diretamente na causa da febre, portanto, não aceleram o processo de cura. A Dipirona (Metamizol) ou Paracetamol são habitualmente os medicamentos mais usados para baixar a febre. A aspirina (leia: ASPIRINA | AAS | Indicações e efeitos colaterais) também é um bom antipirético, porém seu uso pode estar contraindicado em algumas doenças febris, principalmente na dengue (leia: DENGUE | Sintomas e tratamento) e na catapora (leia: CATAPORA (VARICELA) | Sintomas e tratamento).

Um método para baixar a temperatura muito usado antigamente erá colocar o paciente em uma banheira cheia de água gelada. Não se faz mais isso atualmente. Se o objetivo é baixar a febre rapidamente, o melhor é usar esponjas úmidas com água fria (ao redor dos 20ºC) para molhar a pele do paciente. Quando a água em contato com a pele pode evaporar há mais perda de calor do que quando há submersão em uma banheira ou piscina. A água muito fria pode causar constrição dos vasos da pele, diminuindo a perda de calor. Lembre-se, o importante não é esfriar a pele, mas sim facilitar perda de calor que vem do centro do corpo. O melhor mesmo é usar as esponjas, simulando uma grande sudorese.

Passar álcool na pele não ajuda em nada.

Quais são as principais causas de febre?

As causas mais comuns de febre são as infecções. Doenças como pneumonia, meningite, pielonefrite e endocardite (infecção das válvulas do coração) costumam vir acompanhadas de febre alta e debilidade física.

Gripe, ao contrário do resfriado (leia: DIFERENÇA ENTRE GRIPE E RESFRIADO), também pode ser causa de febre alta.

Quadros de febre prolongada, normalmente por volta dos 38ºC, às vezes intermitentes ou somente noturna, associada à perda de peso, em geral indicam infecções como tuberculose ou AIDS.

Câncer, leucemia e linfoma  podem causar febre baixa ou febrículas prolongadas.

Doenças autoimunes, como lúpus, artrite reumatoide também causam febre.

Vários medicamentos podem causar febre, incluindo antibióticos e anti-inflamatórios, por mais paradoxal que isso possa parecer. Normalmente são reações individuais aos componentes da droga, em um processo semelhante a uma alergia.

Algumas causas menos comuns de febre incluem: hipertireoidismo, excesso de exposição solar, cirurgias, traumas, feocromocitoma, embolia pulmonar, desidratação, AVC (com lesão do hipotálamo), hepatite por álcool…

"O QUE É FEBRE?", 5 out of 5 based on 55 ratings.
Publicidade
  • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

    A sensação de calor não está necessariamente ligada ao fato do ambiente estar mais ou menos frio que o nosso corpo. Calor ou frio é uma interpretação individual do cérebro. Não é uma comparação da temperatura externa com a nossa temperatura interna. Se fosse assim, todos morreríamos de frio com 25ºC.

  • Rodrigo Rodrigues Da Silva

    Olá, se nossa temperatura normail é 37,5º
    Pq sentimos tanto calor após os 30º ?

  • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

    Você é uma imunossuprimido. O ideal é sempre procurar atendimento médico logo, pois uma infecção simples pode evoluir rapidamente devido a fraqueza do seu sistema imunológico.

  • Antonio Guerra

    Tenho uma eliminação de proteína bem acima do tolerado, trato com imuno de´pressor, 200mg dia – ciclosporina, estou em tratamento, glomero-lopatia, estou muito gripado e com coriza, temperatura de 37.7 C. Dá para esperar até amanhã ou procuro médico URGENTE!!!

  • Marcos Leonel

    Descobri que você é formado em Nefrologia e gostaria de saber que tipo de exame é este indicado por um clínico da minha cidade para o meu pai, que tem uma disfunção urinária (urina um tanto mais que o normal, devido a problemas de próstata, anteriormente tratada): o exame é AMB Nefro e tem esses quantitativos U = 110 C = 200. Aqui na cidade nenhum laborátorio conseguiu distinguir qual o tipo de exame . Você pode me ajudar?

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Também não sei o que é isso.

  • ricardo p.

    tenho estado com febnre na casa dos 38,foi repentina,o suor deita um cheiro estranhissimo,as fezes estão amarelo-esbranquiçadas e os olhos amarelados,dor de cabeça, e uma mão inchada..o que é que pode ser?

  • Robertaccunha

    A mudança repentina do clima, pode causar febre em crianças. verdade ou mito??

  • Bianca barros

    Eu gostei de ler este artigo,pois tenho 2 crianças 8 e 4 anos.E é bom ter essas informações.Meu marido teima comigo que quando se está com febre deve se abafar ainda mais,ou seja,quando minhas crianças estão com febre ele que cobri-las com cobertores e deixá-los ainda mais quentes.Eu tenho medo,pois se a febre subir eles podem ter convulsões não é?Estou certa ou ele está certo ?
    Obrigada!

  • Bianca barros

    Eu gostei de ler este artigo,pois tenho 2 crianças 8 e 4 anos.E é bom ter essas informações.Meu marido teima comigo que quando se está com febre deve se abafar ainda mais,ou seja,quando minhas crianças estão com febre ele que cobri-las com cobertores e deixá-los ainda mais quentes.Eu tenho medo,pois se a febre subir eles podem ter convulsões não é?Estou certa ou ele está certo ?
    Obrigada!

    • Elaine souza de oliveira

      vc está certissima! o correto é deixar a criança bem a vontade e se for febre acima de 38ºC o ideal é dar uma banho morno pra ajudar baixar a febre, mais jamais cobrir a criança!

  • eduardo

    estou com uma senssação de tontura e um aperto na nuca e peso na cabeça,com a temperatura corporal de variantes 34.9 a 35.8 o que faço

  • eduardo

    estou com uma senssação de tontura e um aperto na nuca e peso na cabeça,com a temperatura corporal de variantes 34.9 a 35.8 o que faço

  • maria das graças

    dr. Pedro este artigo me ajudou, pois minha filha de 3 anos esta com febre e estou achando que é febre emocional pois ela faz todas as sua atividades normal ela pede para que nao trabalhe para ficar com ela a febre ja dura 3 dias. como lidar com esta situação?

    • http://www.facebook.com/leandro.rocharodrigues Leandro Rocha Rodrigues

      não existe febre emocional

  • Viviane

    Meu pai tem 83 anos e em 20 de agosto se submeteu a cirurgia de femur por queda. Teve alta, ja fez revisão da cirugia e conforme o medico esta tudo ok. não tem pneumonia, nem infecção urinaria, se alimenta bem, mas esta acamado. Sua temperatura fica entre 37 e 37,5 qua ja vi ser normal, mas uma ou as vezes duas vezes por dia chega a 38 e logo vai para 38,5 se não der um anti termico. Por favor Dr. pedro poderia me ajudar? Ele não tem convenio depende do SUS. e como esta acamado leva-lo de um lado para outro fica muito dificil. Segue meu email vjannarella@gmail.com. Obrigada. Viviane

  • Veronica

    Comentário perfeito Dr. Pedro!!!!parabéns pelo artigo.

  • Mariosss29

    ola mario,tenho uma criança de 09 meses esta com febre estou dando paracetanol esta com dois dias vai e vem ok

  • Viviane

    Meu pai tem 83 anos e em 20 de agosto se submeteu a cirurgia de femur por queda. Teve alta, ja fez revisão da cirugia e conforme o medico esta tudo ok. não tem pneumonia, nem infecção urinaria, se alimenta bem, mas esta acamado. Sua temperatura fica entre 37 e 37,5 qua ja vi ser normal, mas uma ou as vezes duas vezes por dia chega a 38 e logo vai para 38,5 se não der um anti termico. Por favor Dr. pedro poderia me ajudar? Ele não tem convenio depende do SUS. e como esta acamado leva-lo de um lado para outro fica muito dificil. Segue meu email vjannarella@gmail.com. Obrigada. Viviane

  • Giovane Valle

    Muito bom ! Valeu mesmo tirou todas minhas dúvidas. E eu estou mesmo com febre.. Mais Dr.Pedro, Quando eu meço pelas axilas dá um valor de 38°. Quando eu meço pela boca dá um valor de 37°. E quando meço pela ouvido dá uma valor de 37,5°.. Porque ocorre tanta variação? Obrigado

    att. Giovane V.

  • Giovane Valle

    Muito bom ! Valeu mesmo tirou todas minhas dúvidas. E eu estou mesmo com febre.. Mais Dr.Pedro, Quando eu meço pelas axilas dá um valor de 38°. Quando eu meço pela boca dá um valor de 37°. E quando meço pela ouvido dá uma valor de 37,5°.. Porque ocorre tanta variação? Obrigado

    att. Giovane V.

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Não sei, não faz muito sentido. A axila não deveria dar valores maiores que a boca e o ouvido.

  • Ana Cecília Gomes

    Há algum tempo não tenho febre, mesmo em processos de crise de sinusite, gripe e garganta muito inflamada como estou hoje, a febre não aparece.. é normal? Sinto apenas meu corpo febril, mas o termometro não marca nada anormal, é como se sentisse uma febre interna, mas como já li aqui que isso não pode ocorrer, o que está acontecendo comigo?

  • Ana Cecília Gomes

    Há algum tempo não tenho febre, mesmo em processos de crise de sinusite, gripe e garganta muito inflamada como estou hoje, a febre não aparece.. é normal? Sinto apenas meu corpo febril, mas o termometro não marca nada anormal, é como se sentisse uma febre interna, mas como já li aqui que isso não pode ocorrer, o que está acontecendo comigo?

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

    Se sempre foi assim e vc nada sente, não vejo motivo p preocupação.

  • Gianiferreira

    minha temperatura corporal é sempre entre 35, 34.5. É normal ou preciso procurar um médico.

  • Gianiferreira

    minha temperatura corporal é sempre entre 35, 34.5. É normal ou preciso procurar um médico.

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Se sempre foi assim e vc nada sente, não vejo motivo p preocupação.

  • Gianiferreira

    mnha temperatura é sempre entre 35 , 34.5 . è normal?

  • Analjf

    Boa noite! Dr., minha sobrinha tem 2 anos e oito meses, tem dois dias que ela fica com febre de 38 no final da tarde, não tem mais sintomas nenhum, o que fazer?

  • Analjf

    Boa noite! Dr., minha sobrinha tem 2 anos e oito meses, tem dois dias que ela fica com febre de 38 no final da tarde, não tem mais sintomas nenhum, o que fazer?

  • Thalisson_tmc

    Gostei bastante. :D
     

  • Giczmarchiori

    Eu nunca tive febre. Já tive infecções urinárias, inflamação de garganta onde nem água conseguia tomar, mas mesmo durante esses quadros nunca apresentei febre. Ultimamente tenho sentido calafrios, principalmente a noite, um frio terrível, mesmo fazendo em torno de 27 graus na minha cidade. Tenho tremores e só acalma se me cobrir muito bem. O que será isso? estou preocupada.

  • http://www.dispersa.com.br/saude Saúde

    Belas dicas!

  • Ricardo Bdiniz

    Existe diferença entre medir a temperatura axilar, por termometro, estando debaixo de coberta?
    Por que?

  • Clarissapinto

    Nunca tive febre, tenho32 anos. já tive várias das doenças que tem febre como sintoma. porque isso acontece?

  • DANIELA

    EU VOU SENPRE NO MEDICO CONDO O TENPO MUDA EU TENHO  BROQUITI

  • DANIELA

    LEGAL AS INDICASAO

  • Valdiete Oliveira

    tenho dois sobrinhos, quando eles tem febre só esquenta a cabeça.Isto é normal.

  • Clarissapinto

    Nunca tive febre, tenho32 anos. já tive várias das doenças que tem febre como sintoma. porque isso acontece?

  • Ricardo Bdiniz

    Existe diferença entre medir a temperatura axilar, por termometro, estando debaixo de coberta?
    Por que?

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Sim. Pode dar um valor acima da realidade se por baixo da coberta estiver bem mais quente que a temperatura ambiente.

  • Renato

    Caro Ricardo, não sou médico, mas voce deve procurar um, isso está com cara de hepatite.

  • Renato

    Caro Ricardo, não sou médico, mas voce deve procurar um, isso está com cara de hepatite.

  • Valdiete Oliveira

    gostei muito deste artigo,por ser bem explicativo tirei muitas dúvidas. 

  • http://www.facebook.com/thaismansosantos Thais Manso

    Olá Dr.
    hoje minha sogra e meu esposo colocaram a mão em mim e me disseram que eu estava fria mesmo estando coberta. e ao colocar o termômetro indicou uma febre de 38°c. a parte externa do corpo não mostrar temperatura alta mesmo o termômetro indicando febre pode ser febre interna? o mais engraçado é que assim que tomei banho minha temperatura externa aumentou.

  • http://www.facebook.com/thaismansosantos Thais Manso

    Olá Dr.
    hoje minha sogra e meu esposo colocaram a mão em mim e me disseram que eu estava fria mesmo estando coberta. e ao colocar o termômetro indicou uma febre de 38°c. a parte externa do corpo não mostrar temperatura alta mesmo o termômetro indicando febre pode ser febre interna? o mais engraçado é que assim que tomei banho minha temperatura externa aumentou.

  • Priscilla

    Olá Doutor!
    Estou com febre há quase uma semana, ela vem a noite e fica em torno dos 38/38,5 graus. Não sinto nenhum outro sintoma. Tem alguma doença com esse tipo de sintoma ? Pode ser uma simples virose ? Já fui ao médico, mas eles falam para ficar só mesmo na dipirona …

  • Priscilla

    Olá Doutor!
    Estou com febre há quase uma semana, ela vem a noite e fica em torno dos 38/38,5 graus. Não sinto nenhum outro sintoma. Tem alguma doença com esse tipo de sintoma ? Pode ser uma simples virose ? Já fui ao médico, mas eles falam para ficar só mesmo na dipirona …

  • Suely

    Bom dia Dr.ultimamente tenho ondas de suor nas quais fico toda gelada,também tenho um mal estar como se fosse desfalecer.venho me sentindo muito cansada..Tenho 61 anos sofro da coluna e tenho tomado antiinflamatórios torsilax,será conseqüência do remédio ou o sintoma é característico de outro problema,agradeço muito

  • Déborah Barbosa

    Olá, Dr.

    Estou usando, já fazem 7 dias, antibiótico (clavulin) para combater um processo de sinusite persistente. Já me tratei com esse medicamente anteriormente e nunca tive nenhum tipo de reação alérgica. No entanto, ontem tive febre e hoje acordei em estado febril. Gostaria de saber se a febre tem alguma relação direta com o uso do antibiótico ou se o antibiótico não está fazendo efeito e ela- a febre- surgiu em decorrência da sinusite? Aguardo resposta.

    Déborah Barbosa

  • Déborah Barbosa

    Olá, Dr.

    Estou usando, já fazem 7 dias, antibiótico (clavulin) para combater um processo de sinusite persistente. Já me tratei com esse medicamente anteriormente e nunca tive nenhum tipo de reação alérgica. No entanto, ontem tive febre e hoje acordei em estado febril. Gostaria de saber se a febre tem alguma relação direta com o uso do antibiótico ou se o antibiótico não está fazendo efeito e ela- a febre- surgiu em decorrência da sinusite? Aguardo respostas.

    Att

    Déborah Barbosa

  • ricardo p.

    tenho estado com febnre na casa dos 38,foi repentina,o suor deita um cheiro estranhissimo,as fezes estão amarelo-esbranquiçadas e os olhos amarelados,dor de cabeça, e uma mão inchada..o que é que pode ser?

  • Klivia Nat…

    adoreiii

  • Valdiete Oliveira

    gostei muito deste artigo,por ser bem explicativo tirei muitas dúvidas. 

  • antonio f araujo

    ola doctor tenho 40 anos nunca fui au medico p/ medo. acredito na auto cura fuciona com migo mas tenho uma gripe que nao para nunca,,nao mi mande au hospital . pode me ajudar?

  • antonio f araujo

    tenho40 anos nunca fui au medico a unica coisa que mi emcomoda e uma gripe que numca acaba

  • antonio f araujo

    tenho40 anos nunca fui au medico a unica coisa que mi emcomoda e uma gripe que numca acaba

  • Thalisson_tmc

    Gostei bastante. :D
     

  • Bolachinha

    Não sabia que lupus causava febre,estou com febre e sem comer direito há quase uma semana,a médica disse que é infecção,mas como vi aqui que o lupus também causa.
    Que parte do corpo o lupus ataca causando febre e falta de apetite?

  • http://www.dispersa.com.br/saude Saúde

    Belas dicas!

  • Adijane Barbosa

    Ainda continuo com uma dúvida. Meu filho não dá febre quando tem infecção isso é normal?

    • https://plus.google.com/113288925849694682313 Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Não é normal.

  • Ilidio

    Olá Dr.,. Há 2 dias passei numa rua vi uma prostituta, parece saudável e tinha cerca de 20 anos. Fez-me sexo oral desprotegido. Se a mesma estiver infectada com VIH, qual a probabilidade de me ter transmitido a doença?

  • Elis Avila

    Quando eu tenho alguma infecção tenho todos os sintomas da febre, mas nunca a elevação da temperatura, tenho fibromialgia e ela pode alterar alguma coisa?
    Pois sempre senti muito frio (em dias frios), mas depois dos medicamentos, ja não sinto mais.

  • Sylvone

    amei tirei algumas duvidas

  • Zacariasjoao12

    gostei muito porque pode aprender mais sobre as febres a final de conta nao existe febres enterne

  • Anonymous

    muito bom ,me tirou muitas duvidas, parabens

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    @MG
    Não, pelo contrário.

  • MG

    Os antibioticos pode ser perigoso para as pessoas soro positivo.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    @Cicilia
    O que que você chama de febre emocional? Existem diferentes tipos de interpretação para este termo entre a população leiga.

  • http://www.blogger.com/profile/07595062767595140889 Cicilia

    Dr. Existe FEBRE EMOCIONAL?. Como diagnosticar e tratar em crianças?

  • Jessika

    Queria parabenizar o site!!! É bastante esclarecedor e faz isso de uma forma muito didática!!!!
    Nota 100….

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Alene,
    nunca vi febre de 39ºC apenas por estresse. Não significa que em casos isolados não possa existir. Não existe verdade absoluta em medicina. Sugiro que da próxima vez você seja avaliada por médico no momento do quadro para termos certeza de que não há outra causa por trás

  • Anonymous

    Doutor, meu nome é Alene, tenho 23 anos, o senhor ao responder a pergunta da Flávia me deixou um pouco preocupada pois, geralmente quando passo por situações que abalam meu psicologico tenho febre, suor frio, tremedeira, paupitações e até fauta de ar. Certas vezes a febre que tenho chega a 39 o que devo fazer.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Flávia,
    Existem pessoas que quando submetidas a intenso estresse podem ter uma quebra no seu sistema imunológico, facilitando a ocorrência de infecções e febre.
    Agora, ter febre alta apenas por motivos emocionais não existe.

  • Flavia

    olá Doutor! tenho uma duvida, ja ouvi falar sobre ”febre emocional” o que o senhor pode me dizer sobre isso.

  • Vanessa

    Boa tarde!!
    Gente,pelo amor de Deus!!
    Internet n eh consultório médico…
    Se vcs perceberem qlqr alteração fisiológica em vcs ou em entes queridos…Devem ir ao médico…
    Desculpa,o palpite!! Mas isso é mto sério,pq a demora de um atendimento médico pode agravar mto o quadro clínico de um paciente…

    Dr.Pedro Pinheiro,o artigo do sr. foi enriquecedor,mto bem explicado…Parabéns!! Adoraria ter a honra de ter um professor como o senhor!! =DD Infelizmente,sei q n é possível!!
    Mto obrigada!!

  • Leo

    perfeito achei o q queria…

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Lucas,
    elevações de temperatura ao longo do dia são normais. O corpo está mais frio de manhã e mais quente no início da noite. 37ºC não é febre. Se vc tem linfonodos palpáveis, o ideal é ser visto por um médico para que ele possa avaliar a relevância desta achado.

  • Lucas

    Doutor,
    ha algumas semanas venho tendo alguns sintomas depressivos. Ja procurei um psicologo e estou tratando. Porem tenho notado que durante a noite a temperatura do meu corpo sobe, chegando a 37, 37.2 graus. Andei lendo a materia sobre linfoma e fiquei bastante preocupado, pois tenho dois linfonodos, um atras de cada orelha, que notei ha cerca de dois anos. Pode ser sinal de algum problema mais serio? Devo me preocupar e procurar um clinico?
    Agradeço muito e parabenizo pelo blog.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Não é bem psicológico, mas sim neurológico

  • Lucimara

    Obrigada pela resposta. É um pouco confuso, mas agora temos certeza que “o frio (e o calor)é psicológico!”

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Lucimara,
    a sua pergunta é ótima. Acrescentei ela ao texto. A resposta está na temperatura estabelecida pelo hipotálamo. No exercício físico ela é 36,5ºC na febre ela é 38,39 ou 40ºC. Frio ou calor são interpretações do nosso cérebro a temperatura estabelecida pelo hipotálamo.

  • Lucimara

    Gostaria de saber por que sentimos frio em casos de febre, e calor em casos de atividade física intesa, já que em ambos a temperatura corporal está elevada.

  • Anonymous

    ADOREI A MATERIA , ESCLARECE BEM E EXPLICA NUMA LINGUAGEM EM QUE TODOS POSSAM ENTENDER. PARABENS!!!

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Marília,
    isso realmente pode ocorrer. Há várias infecções que se manifestam por febre vespertina. A nossa temperatura corporal normal segue um ritmo circadiano, sendo mais baixa às 6 da manhã e mais elevada às 6 da tarde. Portanto, é mais fácil termos febre no final da tarde/noite do que no início do dia.

  • Marília Castro

    Tem muitas pessoas que dizem ter febre somente no final da tarde ou a noite. Tem alguma explicação fisiológica ou é apenas uma coincidência?

  • Anonymous

    adorei
    aqui esta td completopara meu trabalho sobre isso

  • Eduardo Fortes

    Dr, meus parabens pelo texto!
    Precisamos de mais gente seria como o senhor publicando materias e textos com informacao correta na internet! Abracos.
    Eduardo – Minas Gerais.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Adriana,
    existe tratamento sim. Um deles é com toxina botulínica. Procure um dermatologista.

  • Adriana e Luiz

    Dr. Pedro
    gostaria de agradecer sua ajuda em relação ao problema do meu marido de microalbuminuria. Suas informações foram muito valiosas para nos ajudar no tratamento, hoje ele esta muito melhor, até os valores dos exames tiveram uma queda muito expressiva, onde a médica dele, só teve elogios.
    Muito obrigado por ter criado este blog.

  • Adriana

    Dr.
    tenho uma filha de 9 anos e ela tem apresentado um suor moderado nas mãos, principalmente, quando fica nervosa ou anciosa, existe algum tratamento para isso? E qual especialidade médica devo procurar? Também existe algum tratamento caseiro (como chás, talco) que ajudem a amenizar o problema? Por favor me ajude.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Angela,
    Procure um clínico geral. Isso provavelmente não é do coração.

  • Angela Boese

    Tenho um filho de 13 anos e pelos que alguns medicos ja avaliaram, ele tem algumas diferenças relevantes no batimento cardiaco,se assim posso expressar-me, e o que preocupa-me Dr. é que uma vez ou outra em muitos intervalos de tempo,até mês, ele tem febre concideravelmente, mas essa febre passa e sem demostrar nenhum sintoma grave aparente, to muito preocupada,o pai tem problemas de coração, podera vir a ser indicio de algo maligno, ou até uma infecção nas valvulas do coração, por favor responda-me,eu devo procurar um cardiologista ou um clinico geral pode esclarecer-me?obrigado e um Bemhaja a todos.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Jocilene,
    Leve-o a um serviço de pronto atendimento para ele ser reavaliado.

  • Jocilene Combat

    Meu bebê de 11 meses apresentou uma infecçãozinha na garganta seguida de febre de 39 graus, o levei ao pediatra onde receitou o antibiótico NOVOCILIN e NOVALGINA para o tratamento, iniciei o medicamento no mesmo dia sendo que a febre ñ foi eliminada, isso já faz exatamente oito dias. Meu bebê não come faz 15 horas e estou preocupada, o q devo fazer?

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Geisa,
    antiiflamatórios não costumam causar suores não. É melhor procurar outra causa.

  • geisa

    doutor o nimesulide pode provocar suores noturnos? esses suores são sempre frios! obrigada!é meu marido e ele tem artrite reumatoide e tbm faz uso do metotrexato a mtos anos.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Clara,
    Mesma resposta que eu dei a Renata acima.

    Em princípio não. Se vc não tem nenhum outro sintoma, não há pq se preocupar.

  • natalia

    Olá,
    Gostaria que me dissessem, se o facto de há uns tempos a minha temperatura corporal ser de 35,3/35.8, é um factor para me preocupar. Raramente chego aos 36.
    Obrigada.
    Clara

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Renata,
    À princípio não. Se vc não tem nenhum outro sintoma, não há pq se preocupar.

  • Renata

    Ola Dr.
    Gostaria de saber…

    Tenho 23 anos e ultimamente tenho reparado q minha temperatura está o dia todo por volta dos 37°.
    Eu me sinto bem, mas fico assustada, pq a maioria das pessoas q con verso… a temperatura é sempre 36,5°.

    Será que tenho algum problema?

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Ana,
    37,2ºC ainda não é considerado febre. Por aí não dá para afirmar nada.

  • Ana

    Oi, tenho duvidas a respeito de minha temperatura, pois antigamente ela era zsempre de 36,5 e depois q tive uns problemas de saude como por ex: refluxo e um suposto pequeno tumor atrás da orelha q tive q operar, ela está sempre 37,2 isso ja faz uns 3 meses. Fico meio assim ja q minha biópsia teve um resultado muito vago, pedindo pr analisar dados clinicos e o médico do sus como sempre não me disse nada a respeito. Abraços

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Virgínia,
    Pode ser uma gastroenterite.

    De qualquer maneira, eu trocaria o antitérmico dele. Não dá para descartar gripe e a aspirina pode ter efeitos colaterais nestes casos.

  • Gina

    ups! Minha questão, publicada no post acima, saiu sem identificação, porque não tinha me logado ainda!
    Mil perdões!

    Sou Virgínia, do post acima.

  • Anonymous

    Doutores, meu filho de 19 anos passou hoje todo o dia com intensa diarréia e febre baixa, entre 37,6 a 37,9, essa última graduação tirada agora há pouco, às 11 da noite. Esse quadro começou hoje de manhã.
    Tenho dado Aspirina a ele, porque mesmo que não baixe muito a febre, ele se sente um pouco melhor depois de um tempo.
    Eu li seu ótimo artigo sobre Gripe Suína, e realmente não me parece o caso…
    O que poderia ser, então?

    Desde já agradeço,
    Virgínia.

    P.S.: Não me incomodo com os pouquíssimos erros de português, especialmente de pessoas como vocês, preocupadas em ajudar os outros. Eu também não sou nenhuma imortal da ABL… =)

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Daniel,
    Com tão poucos dados e à distância é impossível dizer qualquer coisa.

    Mas febre, não é.

  • Daniel

    Dr. Pedro, estou me sentindo como se estivesse com febre.. mas já usei o termometro digital e o normal com mercurio e a temperatura nao passa de 37,0 .. tenho aquele aparelho que mede pressão, minha pressao está normal mas meus batimentos aumentaram.. de 76 para 90 por min. O que poderia ser isso ? Obrigado
    Daniel

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Ricardo,
    Tenho um texto só sobre gripe suína
    http://www.mdsaude.com/2009/05/gripe-suina.html

    Não há problema em baixar a febre com sintomáticos

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Flavia,
    Os casos têm que ser individualizados. Vc precisa saber qual a característica de resposta do seu organismo às infecções. Se vc não faz febre normalmente, qualquer febrinha pode ser um sinal de alerta importante.

    A questão é tentar identificar quais são so sinais de alerta que o seu corpo emite quando está sofrendo alguma inflamção.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Keka,
    O fato de vc não fazer não necessariamente indica alguma doença. A febre é uma reação do organismo a invasão por micróbios. Algumas pessoas fazem febre por qualquer coisa, outras não.

    O seu organismo simplesmente não reage a elevação das prostraglandinas. É febre não é mecanismo de defesa imprescidível. Ela ajuda muito mais como um sinal de alerta.

  • ricardo

    olá meu nome é Ricardo Campos e gostaria de saber sobre a gripe A ou suina, em que ponto dos sintomas devo realmente me preocupar ,no momento da febre posso tomar algo para baixa-la ou não? até que ponto ela se confunde com uma gripe simples?

    obrigado e bom fim de semana!!!!!!!!!

  • Flávia C.

    Olá!
    Cheguei a esse texto pesquisando sobre ausência de febre. como muitos já comentaram, já tive até pneumonia sem ter nadica de febre. Agora, após diagnóstico de endometriose, tenho tido febres baixas e constantes que não cedem com medicação. Meus exames estão OK (Hemograma/USG). Gostaria de saber se isso é normal mesmo ou se quando essa “febrinha” incomodar devo procurar ajuda médica?
    Obrigada!
    Flávia C.

  • Keka

    Doutor,

    Assim como a Danielle e a Fabiana, não tenho febre.
    Outro dia estava com a garganta super inflamada, tive que tomar antibiótico fortíssimo, mas não tive febre! Já tive uma bronquiopneumonia e também não tive febre.
    Gostaria de saber por que algumas pessoas simplesmente não tem febre?!!! Qual a explicação para isso? Pode ser alguma doença, falta de glóbulos brancos, não sei.
    Por que não temos febre quando estamos doentes (em casos que qualquer pessoa apresentaria febre)?

  • http://www.blogger.com/profile/04393336581392706630 Dra. Renata Campos

    Fabiana,
    como a febre está relacionada a um mecanismo imunológico, pessoas com determinadas alterações do sistema imune podem não manifestar febre. A ausência de febre, se não está associada a nenhma outra condição clínica, não é relevante.
    Abraços.

  • Anonymous

    Em 39 anos de vida num tive febre! Já tive várias infecções e viroses. Já tive amigdalite, sinusite aguda bacteriana, otite, faringite, dentre muitas outras coisas. E nunca, nunca tive frebre. Sempre quando digo isto aos médicos eles ficam sem saber o que me dizer.
    Gostaria de saber se existe algum registro sobre isto na medicina?
    Fico imaginando se eu contrair a gripe H1N1 vou estar com sérios problemas pois é certo que meu organismo não vai ter febre.
    Obrigada,
    Fabiana

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. PEDRO SARAIVA PINHEIRO

    Danielle,
    Sim, como a febre é uma resposta do organismo, ela é individual. É possível ter infecção sem febre, principalmente em crianças muito pequenas e idosos.

    Quando a gente fala que infecção urinária (pielonefrite) dá febre alta, estamos nos baseando no que acontece com a maioria das pessoas e não afirmando que a ausência de febre exclui o diagnóstico.

    Por isso, cada caso deve ser tratado individualmente, pois nem sempre as pessoas apresentam todos os sintomas descritos nos livros.

  • Danielle Rodrigues Manzoli

    Dr. Pedro,
    Esse texto é excelente! Parabéns!
    Tenho uma dúvida!
    Todas as pessoas tem febre na mesma intensidade? Por exemplo, há pessoas que podem ter infecção sem ter febre e outras que ao primeiro sinal de inflamação já tem febre?
    É possivel ter uma infecção sem ter febre?
    Em outros textos do seu blog, já percebi a vinculação de certa temperatura a indicação de certas doenças (ex: no caso da gripe suina)! Já vi alguns médicos também fazerem isso (ex: febre de xx graus é sinal de infecção urinária, etc..). Isso significa então que a febre segue o mesmo padrão em todas as pessoas?
    Eu quase nunca tenho febre e já tive infecção, inclusive urinária, mais de uma vez, sem ter febre. Será que eu tive febre e simplesmente não percebi? É estranho pois quando meu filho tem febre, é tão evidente! Nem precisaria medir a febre para saber que ele está com febre (ele fica “caidinho”, labios vermelhos, reclama de dor no corpo, etc.)!
    Poderia esclarecer essa questão, ou seja, Pode, algumas pessoas, não terem febre ou não terem sintomas de febre, mesmo com infecção ou inflamação em curso?

  • Minoru

    Muito bom o texto, esclareceu muitas dúvidas minhas.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. PEDRO SARAIVA PINHEIRO

    Marcio,
    Isso parece hiperhidrose. Se for o caso, tem tratamento.

    Procure auxílio médico.

  • Anonymous

    sou marcio,tenho problema de suor quase toda noite minha mae conta que é desde criança, muitas veses tenho que levantar e tomar banho isso pode ser um problema grave?

  • marcos

    Esse foi completo!!
    Parabéns.

  • Paula

    Ótimo texto
    Muito esclarecedor
    obrigada

    Paula

    • ISAEL BATISTA DE SOUZA

      muito bom explicaçào obre o assunto, pois nos ajuda mais a lidar com a febre sem entrar em pânico com tantos mitos antigos…

      obrigado
      isael