Additional menu

Gravidez

Arquivo com todos os textos sobre gravidez publicados no site mdsaude.com

Gravidez

Quando o ocorre a gravidez?

A gravidez, também chamada de gestação, é o estado no qual a mulher está carregando dentro do seu corpo um embrião ou feto em desenvolvimento.

Por definição, a gravidez só se inicia quando um ovo (óvulo fecundado por um espermatozoide) sofre uma bem sucedida implantação no útero.

Esporadicamente, o ovo pode se implantar fora no útero, como nas trompas, gerando um quadro conhecido como gravidez ectópica, que é uma forma de gravidez sem futuro, pois o único órgão apto a desenvolver um feto é o útero.

Como aumentar as chances de engravidar?

Existem formas simples de aumentar a fertilidade do casal. Não é preciso tomar medicamentos, suplementos, vitaminas ou alterar a dieta. Se o casal entender os princípios básicos do ciclo ovulatório, é possível programar os dias das relações de sexuais de forma a aumentar a chance de haver fecundação.

Entretanto, nem todos os fatores relacionados à fertilidade podem ser manipulados. A idade da mulher, que tem um peso fundamental na taxa de fertilidade, é um exemplo.

As mulheres são mais férteis entre os 19 e 26 anos e bem menos férteis após os 40 anos. Quanto mais tarde o casal tentar engravidar, mais difícil será o processo.

Se você quiser mais informações sobre fertilidade e como aumentar a chance de engravidar, acesse os seguintes artigos:

Formas de diagnosticar a gravidez

Só existem duas formas de diagnosticar a gravidez em estágio inicial: dosagem do hormônio beta-hCG, seja no sangue ou na urina, ou através de uma ultrassonografia do útero.

Dosagem sanguínea do beta-hCG

O BhCG (gonadotrofina coriônica humana) é um hormônio que começa a ser produzido no momento em que há implantação do ovo na parede útero. Conforme o embrião e a placenta vão se desenvolvendo, mais hCG vai sendo produzido e lançado na circulação sanguínea materna.

Em 99% dos casos, se a mulher apresenta níveis elevados de gonadotrofina coriônica humana no sangue, isso significa que ela está grávida.

Por isso, o exame do Beta-hCG sanguíneo é o método diagnóstico de gravidez com acurácia mais elevada. Quando realizado na época certa e interpretado corretamente, ele apresenta uma taxa de acerto próxima de 100%.

As atuais técnicas laboratoriais conseguem detectar o hCG a partir da 3ª ou 4ª semanas de gravidez contadas a partir da data da última menstruação, o que equivale a cerca de 2 semanas após a relação sexual que gerou a fecundação.

Testes de gravidez de farmácia

Apesar do beta hCG sanguíneo ser a forma mais confiável de diagnosticar uma gravidez, ela não é a mais confortável para a paciente.

A maioria das mulheres hoje em dia prefere métodos mais práticos, sem a necessidade de agulhas para colher sangue, como os testes de gravidez vendidos em farmácias.

Esses testes consistem em uma fita reativa que detecta a presença do BhCG na urina. Basta a mulher urinar em uma das fitas e esperar para ver se há reação ou não.

Os testes de farmácias são indicados como testes de rastreio. Se o resultado for positivo, sugere-se a realização do beta-hCG sanguíneo para confirmação da gravidez.

Qualquer teste de gravidez que não seja a dosagem do Beta-hCG no sangue ou na urina não é confiável. Os testes caseiros feitos com urina, seja através da fervura ou pela reação com cloro, água sanitária ou qualquer outra substância, não funcionam.

Explicamos com mais detalhes os diversos tipos de teste de gravidez nos artigos:

Sintomas da gravidez

Na maioria das gestações, os primeiros sinais e sintomas surgem apenas 2 a 3 semanas após a relação sexual que deu origem à gravidez, o que equivale a 4ª ou 5ª semana de gravidez contadas pela data da última menstruação.

Entre os sintomas mais comuns que surgem ainda no primeiro trimestre de gestação, podemos citar:

  • Sangramento vaginal.
  • Atraso menstrual.
  • Dor abdominal.
  • Dor mamária.
  • Alterações na aparência das mamas.
  • Náusea.
  • Constipação intestinal.
  • Inchaço abdominal.
  • Cansaço e sono excessivos.
  • Micção frequente.
  • Desejos alimentares.
  • Aumento dos gases.
  • Variações do humor.
  • Corrimento vaginal.
  • Acne.

Para mais informações sobre os sintomas de gravidez, acesse os seguintes artigos:

Cuidados durante a gravidez

Os cuidados durante a gravidez são conhecidos como acompanhamento pré-natal. Durante as cerca de 40 semanas de gestação, a grávida deve ter consultas regulares com o seu obstetra e precisa passar por alguns exames de rotina que visam detectar precocemente qualquer problema em relação à gestação ou ao bebê.

Durante o pré-natal é possível identificar o sexo do feto, avaliar o seu crescimento e pesquisar possíveis infecções que podem provocar má-formações.

Se você quiser saber mais sobre os cuidados pré-natal e algum dos seus procedimentos, leia os artigos abaixo:

Quando o bebê vai nascer?

A gravidez normal, chamada gestação a termo, tem entre 37 e 42 semanas. Se o bebê nascer antes da 37ª semana, ele é considerado prematuro. Se nascer após a 42ª semana, ele é chamado de bebê pós-termo.

O tempo de gravidez é contado a partir do primeiro dia da última menstruação.

Existem diversas formas de estimar a data provável do parto. No artigo abaixo nós explicamos como esse cálculo é feito e ainda fornecemos uma calculadora gestacional para vocês estimar a data do parto sem precisar fazer contas.

Para mais informações: Tempo de Gravidez – Calculadora de idade gestacional.

Complicações da gravidez

Apesar da gravidez ser um processo natural, problemas e complicações são eventos comuns.

Hipertensão, diabetes, infecções, pré-eclâmpsia, colestase, infecção urinária, sangramentos, descolamento da placenta, abortamento, parto prematura e placenta prévia são apenas alguns dos vários exemplos possíveis.

Temos vários textos sobre os diversos tipos de complicações da gravidez.


Todos os artigos sobre Gravidez: