Candidíase: tipos de infecção por Candida

Foto do autor

Escrito por: Dr. Pedro Pinheiro

Atualizado em:
Tempo de leitura estimado do artigo: 5 minutos

O que é candidíase?

A maioria das pessoas associa o termo candidíase apenas à infecção vaginal pelo fungo Candida. Apesar da candidíase vaginal, também conhecida como monilíase vaginal ou vulvovaginite por Candida, ser a forma mais comum de candidíase, ela está longe de ser a única.

Candidíase é o nome que damos a qualquer infecção fúngica causada pelas várias espécies do fungo Candida. Uma candidíase pode se manifestar de várias formas, desde infecções superficiais na pele e mucosas — como a candidíase vaginal, candidíase oral (sapinho), candidíase peniana ou intertrigo (micose nas dobras da pele) — até infecções graves em órgãos internos, como candidíase do esôfago, candidíase das vias urinárias ou nos casos de pneumonia ou meningite por Candida.

A Candida é um gênero de fungos que possui dezenas de espécies, muitas delas capazes de provocar quadros de micose nos seres humanos. No entanto, na imensa maioria das vezes que um paciente desenvolve alguma infecção pelo fungo Candida, a espécie responsável é a Candida albicans.

A candidíase não costuma provocar quadros graves em pessoas saudáveis com sistema imunológico em perfeito estado. Nesses, a candidíase costuma ser superficial, como nas monilíases de pele, boca ou vagina. Todavia, em idosos, pacientes com doenças graves ou indivíduos imunossuprimidos, o fungo Candida pode vencer a resistência do sistema imunológico, atingir órgãos internos e provocar grave infecção generalizada, chamada candidíase disseminada ou candidíase invasiva.

Nesse artigo faremos um resumo sobre as formas mais comuns de infecção pela Candida. Para saber mais detalhes sobre algumas infecções específicas provocadas pela Candida, como a candidíase oral, vaginal ou peniana, acesse os links disponíveis abaixo:

Transmissão do fungo Candida

Na imensa maioria dos casos de candidíase, a infecção não ocorre por transmissão de uma pessoa para outra. A Candida albicans, espécie mais comum de Candida, é um membro normal da flora gastrointestinal dos seres humanos.

A maioria das pessoas é colonizada por Candida e nenhum sintoma apresenta. Porém, qualquer desequilíbrio na flora local ou no estado imunológico do paciente pode levar esse fungo a se proliferar e invadir tecidos, causando, assim, a doença candidíase. Portanto, ter Candida é diferente de ter candidíase. Até 80% das pessoas saudáveis têm o fungo Candida na cavidade oral ou no trato gastrointestinal sem que isso represente qualquer perigo.

Podemos concluir, portanto, que a Candida albicans é um germe oportunista, ou seja, ela vive silenciosamente em nosso corpo durante anos, somente à espera de um desequilíbrio no nosso sistema de defesa para nos atacar.

Para reforçar o conceito, podemos comparar, por exemplo, a colonização da boca pela Candida com a colonização da pele por bactérias. Todo mundo consegue entender que o fato de termos bilhões de bactérias na nossa pele não significa que tenhamos alguma doença de pele. O mesmo ocorre com a Candida. Para ter doença não basta ter os germes, é preciso que eles estejam atacando o nosso organismo.

A transmissão da Candida ocorre apenas em algumas situações, como no caso da transmissão para o bebê durante o parto vaginal ou pontualmente através de relações sexuais.

Candidíase genital é uma doença sexualmente transmissível?

Na imensa maioria dos casos, não. A candidíase vaginal pode ocorrer em pessoas que não são sexualmente ativas, incluindo mulheres em celibato. Isso ocorre porque Candida albicans é um membro normal da flora vaginal. Não é preciso ter relações sexuais para ser colonizada pela Candida.

Isso não significa, porém, que a transmissão sexual de Candida não ocorra nunca ou que a candidíase vulvovaginal não esteja associada à atividade sexual. Por exemplo, um aumento na frequência de candidíase vulvovaginal costuma ser notado quando as mulheres iniciam atividade sexual regular.

Além disso, parceiros de mulheres infectadas têm quatro vezes mais chance de serem colonizados do que parceiros de mulheres não infectadas, e a colonização do casal é geralmente pela mesma linhagem de Candida. Em geral, 15 a 20% dos homens apresentam o pênis colonizado por Candida. O risco de colonização é maior se a parceira tiver história de candidíase vaginal recorrente.

Fatores de risco

A candidíase não surge somente em pessoas com sistema imunológico fraco. Outros fatores podem levar ao aparecimento desta micose. Um exemplo clássico é o uso de antibióticos por tempo prolongado. Os antibióticos matam as bactérias, mas poupam os fungos. Deste modo, ele reduz a competição por espaço e alimentos, facilitando a vida dos fungos que colonizam o organismo.

A candidíase oral, conhecida como sapinho ou monilíase oral, também pode ocorrer em pessoas sem doenças do sistema imunológico, principalmente em crianças pequenas. Cabe ressaltar que neste caso, a candidíase é restrita e provoca poucos sintomas.

Quando a candidíase oral é mais severa, isso nos leva a pensar em um estado de imunossupressão (baixa imunidade).

Doentes imunossuprimidos, como nos pacientes com AIDS, câncer, uso de quimioterapia, transplantantes de órgãos, uso crônico de corticoides, doentes graves internados em CTI, etc., podem apresentar infecção fúngica generalizada, chamada de candidemia.

Nos pacientes imunossuprimidos, a cândida pode causar, por exemplo:

Mais dos 90% dos pacientes HIV positivo, com critérios para AIDS, possuem alguma infeção por Candida, normalmente candidíase oral e de esôfago. Feitas as devidas explicações, voltemos aos pacientes imunocompetentes (sem alterações do sistema imunológico).

Tipos

Vamos falar a seguir dos diferentes tipos de candidíase que podemos desenvolver. Como já referido, a Candida albicans pode atacar a pele, a vagina, o pênis, a boca, o esôfago, a bexiga e vários outros órgãos internos.

Candidíase vaginal

Aos 25 anos de idade, metade das mulheres já terão apresentado pelo menos um episódio de vaginite por cândida; ao longo da vida, cerca de 75% das mulheres terão tido ao menos um episódio de candidíase vulvovaginal, o que ilustra o quão comum é ter esse tipo de micose. A espécie Candida albicans é responsável por até 90% dos casos de candidíase vaginal.

A candidíase vaginal é comum em mulheres em idade fértil, mas também pode correr após a menopausa, apesar de ser menos comum.

A vulvovaginite por cândida pode surgir em qualquer mulher, mas ela é bem mais comum nas seguintes situações:

  • Uso recente de antibióticos.
  • Mulheres com diabetes mellitus.
  • Alterações hormonais (uso de anticoncepcionais hormonais, reposição hormonal ou menopausa).
  • Mulheres com predisposição genética.
  • Mulheres imunossuprimidas.

O sintoma mais típico da candidíase vaginal é a coceira na região genital. Uma sensação de ardência ou queimação na área ao redor da vulva também é bastante comum. Esta dor tende a se agravar no período pré-menstrual ou durante o ato sexual (leia: Dor durante o sexo (dispareunia e vaginismo).

Outro sinal frequente é o corrimento vaginal, mas a sua ausência não descarta o diagnóstico de candidíase. O corrimento vaginal da candidíase, quando presente, é, em geral, brancacento, sem odor e de pequeno volume.

Os sintomas da candidíase são muito semelhantes aos de outras formas de vaginite, como a tricomoníase e a vaginose bacteriana. Portanto, diagnóstico de certeza da candidíase vaginal é feito com o exame ginecológico, por meio de coleta da secreção vaginais e identificação do fungo Candida pelo microscópio.

O tratamento da candidíase vaginal é simples na maioria dos casos e consiste em uma dose oral de antifúngico, como o Fluconazol por via oral em dose única, ou creme vaginal, que deve ser indicado pelo ginecologista. Cerca de 5% das mulheres, porém, apresentam quadros recorrentes de candidíase vaginal, sendo necessário tratamento por várias semanas.

Candidíase no pênis

A candidíase nos homens não é tão comum como nas mulheres, mas pode ocorrer em determinadas situações. Os fatores de risco são semelhantes aos da candidíase vaginal, sendo importante acrescentar também a má higiene do pênis e o uso de fraldas geriátricas ou infantis.

Os sintomas mais comuns da candidíase no pênis são: vermelhidão, inchaço e dor na glande. Placas brancas, semelhantes às que ocorrem na língua nos casos de sapinho, também são comuns. As lesões podem causar intensa coceira e frequentemente há ardência durante o ou após o ato sexual.

Da mesma forma que a candidíase vaginal, a candidíase no pênis pode ser tratada com antifúngicos em creme ou por via oral.

Candidíase oral

Exceto em crianças, a candidíase oral costuma indicar algum grau de imunossupressão ou distúrbio na flora de germes normal da boca. Entre os fatores de risco estão os diabetes, uso de dentadura, doenças que causam diminuição na salivação (xerostomia) e imunossupressão, seja por doenças, drogas ou quimioterapia.

A candidíase oral manifesta-se como lesões brancas de aspecto cremoso, na língua, parede interna das bochechas e no palato (céu da boca). O paciente se queixa de ardência, diminuição do paladar e sensação de ter algodão na boca. Quando o esôfago é acometido, o paciente se queixa de dificuldade e dor para engolir.

O tratamento é feito com bochechos de nistatina ou com fluconazol por via oral.

Candidíase de esôfago

Ao contrário da candidíase oral, que pode eventualmente ocorrer em pacientes saudáveis, a candidíase esofagiana é um sinal claro de que há algo errado com o sistema imunológico. A infecção pelo HIV é uma das principais causas de esofagite por Candida, mas qualquer estado de imunossupressão pode ser a causa.

O principal sintoma da candidíase de esôfago é a dor ao engolir, chamada de odinofagia. Os pacientes também referem uma dor no peito, por trás do esterno (osso que fica no centro do tórax).

O diagnóstico da candidíase esofagiana é habitualmente feito através da endoscopia digestiva alta.

O tratamento é feito com Fluconazol oral por até 21 dias.

Candidíase na pele (intertrigo)

Intertrigo é o nome que damos à inflamação que ocorre em áreas onde duas partes da pele se encostam, como, por exemplo, nas dobras cutâneas da virilha, nas axilas, bolsa escrotal, embaixo das mamas ou na região entre os dedos.

Essas áreas de dobras são especialmente susceptíveis ao aparecimento do intertrigo, pois são regiões úmidas e quentes, o que favorece a proliferação de germes, principalmente de fungos.

O intertrigo candidiásico se manifesta por placas avermelhadas na pele, que podem coçar ou doer.

O tratamento é feito com cremes antifúngicos e cuidados gerais com a pele.

Explicaremos o intertrigo com mais detalhes em um artigo à parte que será publicado brevemente.

Candidíase do trato urinário

A presença de fungos na urina é bastante comum em pacientes hospitalizados, embora muitas vezes seja difícil distinguir uma simples colonização de uma infecção da bexiga. A cistite por Candida pode ser assintomática, provocando apenas alterações nas análises de urina ou pode ter sintomas semelhantes aos da cistite bacteriana, com dor para urinar e micção frequente.

A infecção invasiva dos rins é incomum, sendo mais grave e mais difícil tratamento do que a infecção da bexiga. O quadro clínico costuma ser de microabscessos nos rins e sintomas como febre e dor abdominal.

Endoftalmite por Candida

A endoftalmite (inflamação no globo ocular) por Candida pode se desenvolver após trauma, cirurgia ocular ou como complicação de um quadro candidíase disseminada.

O principal sintoma é diminuição da acuidade visual. Alguns pacientes também apresentam dor nos olhos.

Candidíase disseminada

Nos pacientes com o sistema imunológico débil, a Candida albicans pode se multiplicar de forma descontrolada, invadindo o sangue e órgãos vitais. Coração, pulmões, fígado e ossos são possíveis. O sistema nervoso central também pode ser invadido, sendo a meningite por Candida umas das possibilidades.

A candidíase invasiva é um quadro grave, não só pela invasão dos órgãos, mas porque o paciente costuma estar imunossuprimido. O tratamento é feito com antifúngicos por via intravenosa.

Tratamento

O tratamento varia de acordo com o tipo de candidíase que o paciente apresenta. Nas formas mais graves, o tratamento das infecções de órgãos deve ser feitos com antifungos por via oral ou intravenosa, tais como Fluconazol, Itraconazol, Voriconazol ou anfotericina B.

Nas micoses superficiais, como nas candidíases genitais ou de pele, o tratamento inicialmente pode ser feito com pomadas ou soluções antifúngicas para gargarejo, como a nistatina.


Referências


Autor(es)

Médico graduado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com títulos de especialista em Medicina Interna e Nefrologia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), Universidade do Porto e pelo Colégio de Especialidade de Nefrologia de Portugal.

Saiba mais

Artigos semelhantes

Ficou com alguma dúvida?

Comentários e perguntas

Deixe um comentário


112 respostas para “Candidíase: tipos de infecção por Candida”

  1. Jaqueline

    Candidíase esofagite, é HIV?

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Esofagite por cândida é um sinal de imunossupressão. HIV é uma das causas possíveis.
  2. nicolas sousa ventura
    como me curo disso é horrivel
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
      Tratando com antifúngicos apropriados.
  3. Flor
    Bom dia. Eu sofro bastante com a candidíase e tenho ela frequentemente, já procurei várias soluções, mas parece que não há, essa doença acaba com a nossa vida é terrível! O que posso fazer?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
  4. Layanny Souza
    Boa Tarde. Meu pai fez recentemente uma endoscopia. Consta no diagnóstico há colônias de Candida sp no esôfago dele. Ele apresenta uma tosse crônica a bastante tempo. Isso pode ter qualquer relação com o fungo em questão?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
      Não diretamente, pois lesões do esôfago não costumam causar tosse. Mas o fato dele ter candidíase no esôfago e tosse crônica podem ter a mesma origem.
  5. Sílvio
    Boa tarde. Há alguns meses me encontro com a sensação de inchaço no ânus, coceira entre as nádegas e, eventualmente, umas bolhinhas cheias de líquido. A coceira, tipo uma assadura, melhora com o uso de diprosone mas, quando pratico alguma atividade física, ela retorna. Não há corrimento algum. Apareceu, também, uma pequena ferida no canto da minha boca. Já consultei proctologistas, urologistas, neurologista e, todos eles, afirmam não haver nada. Meus exames de sangue estão normais. Isto pode ser candidíase ?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
      Pode ser uma infecção por fungos, não necessariamente candidíase. Mostre suas lesões de pele a um dermatologista.
  6. Danielle Geane
    Olá Bom dia, Minha Dúvida é o seguinte a uns dois meses venho observando que sempre antes do meu Periodo Menstrual sinto uma coceira intensa e uma secreção tipo Uma massa saindo de dentro de mim, principalmente no ato sexual em seguida com uma ardência e vermelhidão na Vagina, meu ciclo tem atrasado bastante, sinto isso antes e depois do ciclo menstrual, tomo fluconazol e passa, só por uns dias e depois volta dinovo e por fim, meu cicli menstrual veio dia 11/08 e foi embora no domingo do dia 17/08, apos o cilco ir embora sentir cólicas e apos o ato sexual, saiu um liquido em grande quantidade

    amarelado, o que pode ser? Me preocupei.

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde
      Tem que ir ao ginecologista para ele colher material dessa secreção e do canal vaginal. Sem investigar não dá para saber o que é.
  7. Laudo a Distância
    Boa tarde Dr!
    Estou com uma coceira super incomoda na vagina, ardor ao urinar, e também estou com um corrimento que está saindo uns pedaços, como se fosse queijo cottage, isso pode ser Candidíase?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Pode. Mas além da candidíase vaginal, existem outras infecções vaginais que também podem dar um quadro semelhante. Tem que fazer um exame ginecológico.
  8. RenataCMS
    A candidíase vaginal tem tratamento efetivo para todos os casos?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Sim, mas alguns casos podem ser mais difíceis de curar Porém, não existe candidíase incurável. Todo os casos têm solução se forem corretamente abordados.
  9. sidney
    dr fui ao medico e foi constatado monilíase oral. pelo que vi e comparei nas fotos não e forte. pequenos pontos brancos. mesmo assim fiquei preocupado, pois e muito falado em hiv ou aids quando se tem isso. e comum ter monilíase oral ou candidíase oral?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Nem todo mundo que tem monilíase oral tem HIV.
  10. Buca Debituca
    doudor estou com candidiase esofagica o medico me prescreveu 1 dose de fluconazol de 150mg, antes das refeiçoes, durante 7 dias, e o suficiente para eu ficar curado, me ajude
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Geralmente a dose e o tempo usados na candidíase esofágica são maiores.
  11. lequinha
    Boa tarde Dr. acho que tenho cândida porém não tenho coceira, nem ardor, a unica coisa que me incomoda é o corrimento, parece que não para nunca, gostaria de saber se tem como eu acabar com este corrimento chato?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Tem que fazer uma análise desse corrimento para ver se há o fungo Candida nele. Só dá para tratar se a gente souber o que tem que ser tratado.
  12. carlos
    Boa noite dr tenho candida na mao ha dois anos cada vez aumenta mais , ja esta em quase todos os dedos, e nao tem medico que acerte medicamento, tem alguama pomada ou medicamento via oral eficiente?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Sim, há alguns, mas eu não posso indicar tratamentos pela Internet.
  13. Aninha
    Boa tarde doutor,
    Estou com candida, não eh a primeira vez que tenho. E msm assim tive relação com meu namorado e ele fez sexo oral em mim, ele pode vir a desenvolver a candida ma boca e na região peniana? Comecei a tomar fluconazol, devo falar com ele?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não é uma doença sexualmente transmissível. Se ele é saudável, o mais provável é que ele não tenha nada. O sistema imunológico dele consegue controlar a cândida.
  14. Cris
    Porque pessoas com candidiase não podem ingerir bebidas alcoólicas? Ou podem? O que interfere no tratamento?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Álcool em pequena quantidade não faz mal.
  15. Maristela
    Dr. lavar as partes intimas com sabão de coco, resolve o problema de cândida?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não.
  16. Marcio Gomes
    Dr estou com um fungo no penis há 4 meses já fui em 2 urologistas e os 2 receitaram o mesmo remédio fluconazol porém já ha 3 meses estou tomando
    um por semana e não some o fungo e a pomada é a cetoconazol existe outro
    tratamento ?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Sim, existe. Mas é preciso colher material para ter certeza se é candida.
  17. simone rosa
    ola dr faz sete dias que eu terminei um tratamento para candidiase oral .
    eu tomei durante sete dias fluconazol e nistatina . como sei que curou
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Pelos sintomas que desaparecem. Na dúvida, através do exame ginecológico.
  18. Fabiane
    Dr vc pode me dizer se a candida, pode ser confundida com infecção urinária, pode causar dor na bexiga, no colo do útero e nas costas?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Alguns sintomas da candidíase vaginal podem se parecer com os da infecção urinária.
  19. pam
    posso pegar em piscina?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não.
  20. nininha
    candida tem cura?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Sim, com antifúngicos.
      1. Cansada
        Desculpa Dr, mas eu acho que não tem não…porque volta…e volta pior…
        1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
          Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
          Se tratar corretamente tem cura.
  21. Claudio Lima
    dr.estou aproximadamente uns 2 meses com uma ferida na lingua e não quer sara já tou ficando com medo.pode uma ferida ficar muito tempo assim??
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não é normal. Procure um estomatologista.
  22. Lu
    Olá doutor!
    tenho 17 anos, tou com sintomas de vemelhidao, coceira, corrimento branco igual a uma nata. sou virgem, virgem pode ter Cardidase?
    obrigada ..
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Pode, candidíase não é considerada uma DST.
  23. JJ
    já tomei itraconazol e estou usando uma pomada candicort e não estou vendo resultado algum. será que este tratamento e correto. e mais ou menos em quanto tempo posso ficar bom. obrigado
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      O tratamento parece estar adequado. Com pomadas, o tempo de uso pode ser de até 3 semanas.
  24. Bela
    Olá , como costumo ter mais de uma vez a candidiase ao ano, gostaria de saber quantas vezes ao ano é normal?
    Não tenho SIDA, não estou usando antibioticos, não sou diabetica, não fizeram sexo oral em mim, sou higienica, uso calçinhas de algodão, uso sabonete intimo sem perfume…
    Agradeço muito a ajuda.
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não existe um limite. Há vários fatores que determinam a frequência de candidíases que uma mulher tem. Se ela é muito comum, é possível que haja algum motivo por trás que deva ser combatido.
  25. ronalta
    candídíase sai varias vezes na mesma pessoa por que?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Provavelmente porque os fatores de risco não mudaram. O paciente continua sendo muito susceptível ao crescimento do fungo.
  26. carla
    Gostaria de saber se candidise pode aparecer inguas pelo corpo.. Nas axilas, na virilha??
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Candidíase vaginal pode causar ínguas na virilha se houver muita inflamação. Nas axilas, não é habitual.
  27. Marcio Andrade Rocha
    dr,a candida pode afetar outro orgao ,como o retro deixando mais liso ou aberto
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Sim, pode acometer vários outros órgãos.
  28. disqus_2OMFUNHrlU
    ola doutor, tenho 24 anos e ja tem uns 3 anos surgiu um corrimento meio esbranquisado sempre vou ao ginicologista e ele receita a nistantina uso como o recomendado mas sempre volta, depois do ano novo voltou com um odor desagradavel que esta mim incomodando muito o que fazer? ahh e tbm tenho ovario policistico será que é por esse motivo? obrigada
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Se você tiver síndrome do ovário policístico, há um maior risco de candidíase, sim.
  29. Larissa
    Olá Dr. preciso de uma ajuda URGENTE! tenho 16 anos e nunca havia tido nenhuma sensação estranha nas minhas partes imtimas sempre ocorreu tudo normal, só que sempre tive aquele escorrimento branco e com odor um poubo grande. De alguns dias pra cá eu havia sentido algumas coceiras horriveis nas partes intimas, mantive relação sexual e começou a doer muito. Depois de um certo tempo a dor foi aliviando, mas agora estou com um problema enorme estou com umas bolinhas brancas no lábio vaginal e uma bola um pouco avermelhada mais embaixo da vagina e dentro também há algumas bolinhas brancas e uma mancha branca como mostra na imagem da lingua ali em cima, quando vou a banheiro urinar tenho uma sensação horrivel de ardência mal consigo urinar por causa dessa horrivel ardência, eu gostaria muito de saber um remédio que alivie tudo isso principalmente a ardencia na hora de ir ao banheiro e que acabe com esse meu problema urgentemente! Muito obrigada fico agradecida se me responder esta pergunta.
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Isso tá com toda cara de candidíase. Agora, não posso definir diagnóstico pela internet, muito menos indicar tratamentos à distância. Você vai ter que procurar o seu ginecologista. E se não for candidíase?
  30. Jeanne Lima
    boa noite doutor,eu estou sentindo muita coceira dentro e fora da vagina coça ate ficar vermelho e esta saindo uma secreçao esbranquiçada como se fosse leite qualhado o que eu faço doutor ?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Vá ao ginecologista.
  31. Thamiris Silva
    Boa noite.

    Tenho 21 anos e ja havia apresentado candidiase, fiz o tratamento e passou. Porem agora apresento a mesma novamente, o que devo fazer, o que fiz de errado?

    Gostaria Muito mesmo de sua orientação.

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      É comum retornar. Não houve necessariamente algo de errado da sua parte. Volte no seu ginecologista para ele lhe reavaliar.
  32. Jessica Barbosa
    Dr. tenho sentido uma forte ardecia ao urinar não dentro mais do lado de fora da vagina quando a urina encosta na mucosa, já tive infecção vaginal mas tive febre e dessa vez não estou.Será que é candidiase?posso passa alguma pomada vaginal antes de ir ao ginecologista? pois ele só estará disponível semana que vem.
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Candidíase é uma das várias hipóteses diagnósticas. Sem ir ao médico não dá para saber do que se trata.
  33. Melissa
    Dr., fui a ginecologista essa semana e ela me receitou o fluconazol ( dose unica de..nao lembro qts ml).
    Ela falou que isso as vezes e normal mesmo (candidiase) e que era para eu relaxar.
    A minha unica duvida, e que na hora nem me veio na cabeça, é : posso continuar usando as mesmas roupas intimas (lavando a cada troca, e claro), ne? Ou e necessario que eu limpe de alguma determinada maneira?
    desculpe pela ignorancia..so quero me precaver..desde já, agradeço pela atenção
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Basta lavar e trocar diariamente a roupa.
  34. Loren Rodrigues
    Dr. tenho 17 anos, e estou sentido uma ardência durante as relações sexuais, não sinto mais nada além disso, posso tomar FLUCONAZOL para amenizar isso?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Só se algum médico indicar.
  35. Kamilla Ramos
    Dr. só o Fluconazol resolve mesmo? Porque já fui na ginecologista duas vezes, ela me receitou a dose única desse remédio, mas não adiantou nada. Estou pensando em procurar outro médico.
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Funciona na maioria dos casos. Se para vc não está funcionando, é preciso então procurar entender o motivo.
  36. 260874
    Bom dia! Me Nome é Luccas e já faz 9 anos que eu sofro com coceiras, começou pela virilha e passou para o saco escrotal, já fui em vários especialistas e eles me disseram que cura não tem, tem como amenizar, e a cada ano que passa ficam mais fortes as coceiras, o tratamento que sugeriram foi a base de corticoide e mesmo assim não obteve exito no tratamento. Gostaria de saber o que eu posso estar usando, tratamento certo. Desde ja agradeço a atenção.
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Eu não indico tratamentos pela Internet. Além disso, você nem sequer disse qual é a doença que tem. Coceira na virilha pode ser dezenas de diagnósticos diferentes. Não existe um tratamento único que cure todas as causas de coceira.
  37. Andrêcia Rosa
    Olá Dr.. Tenho candidiase frequentemente principalmente após a menstruação, uso pomada para aliviar mas sempre volta.. gostaria de saber se é transmissivel para meu parceiro, sexo oral ou sem uso de camisinha .. obrigada
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      É possível transmitir mesmo sem camisinha. Mas isso não significa que ele terá sintomas.
  38. Nicoly Nicky
    Doutor boa noite, estou desesperada!
    Tenho 18 anos e nunca havia apresentado antes um quadro de candidíase, comecei a sentir muita coceira na parte interna da vagina na quinta feira a noite, e quando fui olhar no espelho vi que la dentro tem umas bolinhas esbranquiçadas, e saem várias pelotinhas brancas na secreção.
    Está em tempo de festas, não vou conseguir encontrar um ginecologista neste período, o que eu faço para amenizar um pouco este prurido até a passagem do ano novo?
    Por favor me ajude estou em pânico e agoniada com esta coceira e ardência!
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Nicoly, não posso indicar tratamentos à distância e sem lhe examinar. Pode parecer simples, mas não é. Um tratamento mal indicado devido a um diagnóstico errado pode agravar a situação.
  39. CASSIA MARQUES
    oi dr gostei muito de seu site. gostaria de saber qdo a pessoa esta com candida vaginal o corrimento fica amarelo. obrigadoo . CMR
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não costuma, mas pode acontecer.
  40. Ana Anita
    Ola Doutor Pedro. Desculpe pelo incomodo mas tenho algumas duvidas a respeito da Candidiase e gostaria de esclarecer. Meu nome é Ana, e tenho alguns probleminhas de saude há alguns anos tais como: Asma, onde tomo predisolona, outite aguda que por algumas vezes entro em antibioticos, e hipotiroidismo. Um quadro bem favoravel para Candidiase. A poucas semanas percebi que estava com Candidiase e passei a uma dieta cortando todo acucar além de estar tomando Fluconazol de 50 mg – 1 compr por dia. Sinto muitos gases a todo instante é normal? Estou fazendo uma dieta a serio ! Mas o uso de corticoides (tomo 1 por dia) aumenta a proliferação do fungo no organismo ??? O que devo fazer neste caso visto que se ficar sem corticoides tenho crises de asma ? Pra já agradeço a sua atenção e aguardo uma resposta do Doutor, obrigada.
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não tem jeito, tem que manter o corticoide e tratar a candidíase sempre que ela surgir.
  41. Hellen Anitsirc
    Olá, Dr.
    Uma mulher pode engravidar estando com candidiase ? Candidiase causa infertilidade ?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Pode engravidar. Só causa infertilidade em casos graves.
  42. Elaine
    meu parceiro pode ter passado candidiase para mim?tenho que tratar ele tambem? Ele pode ter me traido?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      A candidíase não é considerada uma DST. Ela ocorre até em mulheres virgens.
  43. Catrina
    Dr., dá pra acusar a candida pelo exame de urina?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Sim.
  44. lucimar
    gostaria de saber se candiase  vaginal coça e cheira mal??
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      As duas coisas podem acontecer.
  45. jacinta
    bom dia doutor, quando a mulher tem candidiase, e um forte odor na vagina,parecendo peixe o que pode ser?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      existem algumas infecções que causam corrimento com mau cheiro. É preciso ser avaliada por um ginecologista.
  46. Luan Henrique Santana
    É possível adquirir Candidíase Esofágica sem possuir a AIDS? Tenho um parente que fez uma endoscopia e acusou a candidíase esofágica, mas ele não possui a SIDA.
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Sim, é possível.
  47. Btservidor
    Dr estou com um incomodo oral que me dá a sensação de estar com alimento preso ou um sensação de refluxo e um leve dor proximo ao diafragma, como se ali estivesse um pedaço de pão ou outra coisa similar presa comse fosse voltar; estou com uma leve irritação na garganta. Pode ser esofagite e qual o tratamento.  
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Você tem que procurar um gastroenterologista. Pode ser algo importante.
  48. Janaina
    Dr. Gostaria de saber se a alimentação tem relação com o tratamento da candidíase. Por exemplo, se estando em tratamento devemos evitar alguns alimentos como pimenta e outros alimentos quentes. Isso para o caso de candidíase vaginal?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não influencia
  49. Starshine1205
    Doutor, fiz uma viagem de fim de ano e lá estive com vários amigos. Tenho um relacionamento estável, portanto não beijei na boca de outra pessoa, no entanto, dividimos bebidas em garrafas, copos em comum e cigarros. Isso pode ter causado candidíase? Qual o melhor especialista para procurar?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não. Procure em clínico geral inicialmente.
  50. Paaulinhaflor
    Doutor, quando se esta com candidiase é ideal tomar mais banhos ou isso pode ajudar na proliferação do fungo? Muito obrigada pela atenção!
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Não, o banho não atrapalha em nada.
  51. Rebeca
    Sou professora e como tal vivo estressada.Lendo o texto acho que estou apresentando sintomas de candidiase oral,pois meus labios ficam vermelho, queimando muito e descamam ao ponto de arder ,pergunto se estresse pode ocasionar a candidiase?Parabens pelo texto!
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Pode.
  52. Bruno
    Bom dia doutor, candidíase pode causar aparecimento de “ingua”?

    Obrigado

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Pode.
  53. Marcilio
    Caro doutor pedro parabens por esse veiculo de informacao.Minha duvida e :Ficar sem escovar os dente pode provocar o aparecimento da candidiase,semelhante a descamacao labial?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Pode causar não só candidíase como várias outras infecções na boca, gengiva e dentes.
  54. Paulinhaflor
    Ola Doutor, tenho uma duvida,estou com os sintomas de candidiase mas gostaria de saber se é transmissivel de alguma maneira!site maravilhoso, obrigada!
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Normalmente a cândida é um fungo natural da nossa pele, ela não se pega de outras pessoas.
  55. Roger
    Boa tarde.A candidíase pode atacar a região da uretra do homem? Se sim, existe sintomas?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde
      Pode. Ardência para urinar.