26 de julho de 2014

ARTRITE REUMATOIDE | Sintomas e tratamento

A artrite reumatoide (AR) é uma doença inflamatória crônica, que acomete mais as mulheres adultas e  pode atacar vários órgãos e tecidos do corpo, mas apresenta uma clara preferência pelas articulações, principalmente as dos membros superior e inferior.

Publicidade

Neste artigo vamos explicar o que é a artrite reumatoide, quais são os seus sintomas e quais são os tratamento mais efetivos para o controle da doença.

O que é artrite reumatoide?

Damos o nome de artrite à inflamação de uma ou mais articulações (leia: O QUE É INFLAMAÇÃO?). Uma articulação com artrite se apresenta inchada, avermelhada, quente e extremamente dolorida.

Quando apenas uma articulação está inflamada, chamamos de monoartrite. Quando ocorre inflamação de várias articulações estamos diante de uma poliartrite. A artrite pode ainda ser simétrica quando acomete simultaneamente duas articulações irmãs como joelhos, punhos, tornozelos, etc.

A articulação é a região onde há conexão de dois ou mais ossos distintos. Exemplos: joelhos, cotovelo, punhos, tornozelo, ombros, etc.

As articulações ao longo do corpo não são todas iguais. Algumas articulações são conectadas por um tecido fibroso, que cola um osso ao outro, tornando-os imóveis, como no caso dos ossos do crânio; outras são ligadas por cartilagens e permitem uma pequena mobilidade como os discos vertebrais que unem as vértebras da coluna; há ainda as articulações móveis, que normalmente são ligadas por uma cartilagem e uma bolsa cheia de líquido (líquido sinovial) permitindo amplo movimento dos ossos com mínimo atrito entre eles, como é o caso do joelho, cotovelo, ombros, etc.

Quando a articulação apresenta-se inflamada damos o nome de artrite. Quando a articulação encontra-se dolorida, mas sem sinais clínicos de inflamação (inchaço, calor e rubor) dizemos que há uma artralgia. Para saber mais leia: ARTRITE e ARTROSE | Sintomas e diferenças

Artrite

Várias outras doenças acometem as articulações, manifestando-se com quadros de artrite, fazendo parte do diagnóstico diferencial da artrite reumatoide, entre elas podemos citar:

– Lúpus (leia: LÚPUS ERITEMATOSO SISTÊMICO).
– Gota (leia: SINTOMAS DA GOTA E ÁCIDO ÚRICO).
– Osteoartrite/artrose (leia: O QUE É ARTROSE?).
– Artrite séptica (infecção da articulação).
– Artrite psoriásica (leia: PSORÍASE | Tipos e sintomas).
– Doença de Still.
– Espondilite anquilosante.
– Febre reumática (leia: FEBRE REUMÁTICA | Sintomas e tratamento).

Uma característica típica da inflamação articular da artrite reumatoide é o acometimento da sinóvia, tecido cheio de líquido que localiza-se no centro das articulações, servindo para diminuir o atrito entre os ossos, como uma espécie de óleo lubrificante.

Não se sabe ainda o que causa a artrite reumatoide, mas fatores auto-imunes estão presentes. (leia: DOENÇA AUTOIMUNE). Por que o organismo passa a atacar as próprias articulações ainda é um mistério, mas o resultado final é a destruição de tecidos pelo próprio sistema imune. Fatores genéticos parecem ser importantes e a presença de determinados genes está associada a um maior risco de se desenvolver a doença. Parentes de 1º grau de doentes, apresentam até 3x mais chances de também apresentar AR.

Sinóvia

A artrite reumatoide é mais comum em mulheres e em caucasianos (brancos). O pico de aparecimento da doença é entre 30 e 55 anos. Até 5% das mulheres acima de 65 anos apresentam AR. O ato de fumar está associado a um maior risco de AR e a uma maior gravidade da doença (leia: COMO E POR QUE PARAR DE FUMAR CIGARRO). A nuliparidade (ausência de filhos) também parece ser outro fator de risco.

Sintomas da artrite reumatoide

O quadro de artrite reumatoide costuma iniciar-se de forma insidiosa, com sintomas leves e pouco específicos como cansaço, dor muscular, perda de peso, febre baixa, formigamento nas mãos, e, por vezes, pequenas dores articulares. É muito comum haver um intervalo de meses entre o início dos sintomas e a procura por atendimento médico.

Artrite reumatoide - mão

Quando o quadro de artrite se inicia ele é caracteristicamente uma poliartrite simétrica. As articulações das mãos são, em geral, as primeiras a serem acometidas. As principais são as metacarpofalangeanas e as interfalangeanas proximais (ver figura ao lado).

Conforme a doença progride, mais articulações são acometidas. Punhos, ombros, joelhos, pés, tornozelos, coluna, articulação da mandíbula, quadril e outras podem ser atacadas pelo sistema imune. O sintomas podem ser cíclicos, alternando-se períodos de melhora com momento de grande piora, ou contínuos. Se não houver tratamento, deformidades podem surgir ao longo do tempo.

Uma lesão típica da AR deformante é desvio lateral dos dedos associado a uma deformidade chamada de pescoço de cisne.

Artrite reumatoide nas mãos

Artrite reumatoide nas mãos

O acometimento das articulações é típico, mas a artrite reumatoide é uma doença sistêmica que pode também se apresentar com inflamação do pericárdio (membrana que envolve o coração), inflamação do pulmão e da pleura, inflamações dos olhos, lesões nos nervos periféricos, aumento do baço, sinais de vasculite (leia: SAIBA O QUE É VASCULITE) e formação de nódulos subcutâneos, principalmente na região do antebraço e cotovelo (ver foto abaixo).

Artrite reumatóide - nódulo subcutâneo

Nódulo subcutâneo

Pacientes com artrite reumatoide apresentam maior risco para infarto do miocárdio (leia: SINTOMAS DO INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO E ANGINA).

A artrite reumatoide também é um fator de risco para síndrome do túnel do carpo (leia: SÍNDROME DO TÚNEL DO CARPO | Sintomas e tratamento).

Diagnóstico da artrite reumatoide

O Colégio Americano de Reumatologia estabeleceu critérios para AR. Para se fechar o diagnóstico o paciente precisa ter pelo menos 4 dos 7 critérios abaixo.

1- Rigidez matinal: rigidez das articulações ao acordar com duração de pelo menos 1 hora.
2- Artrite em pelo menos 3 articulações simultaneamente.
3- Artrite de mãos e punhos
4- Artrite simétrica
5- Nódulos subcutâneos
6- Fator reumatoide (FR) positivo em análise de sangue.
7- Alterações típicas de AR nas radiografias de mãos e punhos

Os critérios de 1 a 4 devem estar presentes por pelo menos 6 semanas. Esses critérios só servem para pacientes com doença plenamente estabelecida. Como já foi dito, no início do quadro, esses achados podem não estar presentes.

A artrocentese é a coleta de líquido sinovial através da punção com agulha de uma articulação inflamada. Este exame serve para se avaliar a composição do líquido sinovial e descartar outras causas de artrite. A artrocentese também pode ser usada para se injetar medicamentos para alívio da artrite.

Pesquisa de auto-anticorpos no sangue

Até 80% dos pacientes com artrite reumatoide apresentam pesquisa positiva do Fator Reumatoide (um auto-anticorpo). Esse anticorpo sozinho, porém, não é suficiente para se estabelecer o diagnóstico. Outras doenças como lúpus, Sjögren e crioglobulinemia também podem apresentar fator reumatoide positivo. Além disso, até 10% da população saudável pode ter FR positivo sem que isso indique qualquer doença.

Um novo anticorpo foi descoberto há pouco tempo. Trata-se do anti-CCP. Este anticorpo é mais específico para a artrite reumatoide que o Fator Reumatoide, sendo que até 95% dos pacientes com resultado positivo têm AR.

Quando os auto-anticorpos estão presentes, há um maior risco de doença mais grave e deformante.

O FAN pode estar positivo em até 40% dos casos. Este é um anticorpo que ajuda pouco no diagnóstico da artrite reumatoide já que costuma estar positivo em várias outras doenças que cursam com artrite e, portanto, fazem parte do diagnóstico diferencial. Porém, ele serve para se sugerir a presença de uma doença autoimune como causa dos sintomas. (leia: O QUE É O FAN (FATOR ANTINUCLEAR)?).

Tratamento da artrite reumatoide

Não existe cura para artrite reumatoide. O tratamento é voltado para redução dos processos inflamatórios e prevenção das deformidades.

O tratamento não medicamentoso inclui exercícios físicos controlados, fisioterapia e orientação nutricional para se evitar sobrepeso e controlar o colesterol. Não existe dieta específica para a AR.

A terapia com drogas é o principal tratamento da artrite reumatoide. Existem 4 classes diferentes de medicamentos que podem ser usados de acordo com a gravidade do caso.

1- Anti-inflamatórios não esteroides (AINES)

São drogas que agem aliviando os sintomas da artrite. Os mais usados são o Ibuprofeno e o Naproxeno.

Demoram de 2 a 4 semanas para se alcançar o efeito máximo. Apresentam muitos efeitos colaterais quando usado a longo prazo (leia: AÇÃO E EFEITOS COLATERAIS DOS ANTI-INFLAMATÓRIOS) e não impedem que ocorra lesões deformantes nas articulações.

2- Drogas anti-reumáticas modificadoras de doença (DMARDs)

Este é o grupo de drogas capaz não só de diminuir o processo inflamatório das artrites, mas também de impedir a progressão para doença deformante.

As principais drogas deste grupo são a hidroxicloroquina, metotrexate, sais de ouro, penicilamina, sulfassalazina, azatioprina, leflunomide e ciclosporina.

Muitos desses medicamentos são drogas imunossupressoras e devem ser usadas sob estrito controle médico. Os efeitos dos DMARDs só são sentidos após semanas/meses de tratamento.

3- Modificadores da resposta biológica

São o grupo mais novo de drogas para a artrite reumatoide. São medicamentos que agem diretamente nos mediadores inflamatórios e nas células envolvidas na artrite. Também têm efeito imunossupressor. Sua ação é mais rápida que dos DMARDs, aparecendo já em 2 semanas. Porém, são drogas caríssimas cujo custo anual beira os 15.000 dólares. Por isso, são reservadas para os casos mais graves, não responsivos a terapia convencional. São todos drogas por via injetável o que dificulta ainda mais o uso domiciliar.

As principais drogas desta categoria são:  
- Etanercept (Enbrel®)
- Infliximab (Remicade®)
- Adalimumab (Humira®)
- Anakinra (Kineret®)
- Abatacept (Orencia®)
- Rituximab (Rituxan®)

4- Corticoides

Drogas como a prednisona agem rapidamente reduzindo o processo inflamatório e aliviando os sintomas da artrite reumatoide. Podem ser tomadas por via oral ou injetadas diretamente nas articulações acometidas. Sua capacidade de prevenir deformidades é restrita e seus efeitos colaterais são inúmeros (leia: INDICAÇÕES E EFEITOS DA PREDNISONA E CORTICOIDES).

O seu uso é indicado no início do tratamento, normalmente junto com os AINES, para um rápido alívio dos sintomas enquanto se espera o efeito completo dos DMARDs.

Medicina alternativa para artrite reumatoide

Até o momento nenhum dos tratamentos ditos alternativos conseguiu se mostrar superior ao efeito placebo.

Medicamentos do tipo colágeno ou cartilagem de tubarão não apresentam nenhuma evidência científica de que funcionem.

Todos os trabalhos com homeopatia e acupuntura não conseguiram evidenciar qualquer benefício com o uso destas modalidades terapêuticas.

Pulseiras magnéticas também não servem para nada.

"ARTRITE REUMATOIDE | Sintomas e tratamento", 5 out of 5 based on 34 ratings.
Publicidade
Publicidade
ARTIGOS SELECIONADOS PARA VOCÊ:
      
- LEIA ANTES DE COMENTAR -
O nosso site tem recebido mais de 150 mil visitas por dia e centenas de perguntas espalhadas pelos mais de 550 textos que já publicamos. Como o volume de comentários é muito grande, as perguntas podem demorar até 10 dias para serem aprovadas e publicadas. Neste momento, temos mais de 1500 perguntas em fila para serem lidas, aprovadas e respondidas. Infelizmente, é humanamente impossível responder a todos, por isso, selecionamos diariamente apenas um percentual dos comentários para ser publicado. Lamentamos se a sua pergunta não for selecionada.

Não fazemos consultas nem opinamos sobre casos pessoais pela Internet. Antes de enviar uma pergunta ou comentário, leia atentamente as REGRAS DO SITE para entender os nossos critérios de seleção.

Para que possamos dar prioridade aos textos menos comentados, encerramos temporariamente a seção de perguntas dos artigos com mais de 400 comentários publicados. Agradecemos a paciência e a compreensão.
  • Jorg Rieckmann Deusinger

    Olá, boa noite,
    Estive lendo um pouco sobre a artrite reumatóide, estou com uma paciente tomando o metotrexato. Sou da área de nutrição esportiva fiquei procurando coisas a respeito de interação medicamentosa com alimentos e não achei nada, só Vi que normalmente estes pacientes tendem a desnutrir com elevação do colesterol. Ha alimentos restritos, que interajam com este medicamento?
    Att

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Não há nenhuma interação em especial.

  • Henrique Falcão

    ola doutor, boa noite!
    Meu nome é luiz henrique e tenho 22 anos.
    A dois meses descobri que tenho uma doeça chamada poliomiosite gostaria que o senhor me explicasse um pouco dessa doença, e parece que ela e parecida com Artrite Reumatoide.
    obrigado

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Henrique, devo escrever um artigo sobre ela nos próximos dias.

  • Edilane

    Olá doutor, Boa tarde!!!
    Meu nome é Maria Edilane e tenho 23 anos.
    Bom eu descobrir que tenho Artrite Reumatoide e meu doutor passou Ibuprofeno e usei a Dexa-Citoneurin. E depois que descobrir que tenho esta doença fico muito triste, parece que meu mundo já não existe mais, fico muito angustiada por saber que por mas que tenha tratamento, mas nunca cura e isso me torna um ser sem vontade de viver, como tenho um filho de 3 aninhos ele me dar forças para viver.
    E agradeço muito pelas suas dicas pois vivo olhando na net tudo sobre Artrite Reumatoide.
    Eu descobrir tudo no CE mas voltei a morar em Brasilia e semana que vem vou procurar outro médico.
    Muito Grata…..

  • larissa botene

    Olá doutor,tenho 15 anos e tenho artrite reumatoide, uso metotrexato de sódio 6 comprimidos uma vez por semana, dois prednisona por dia, e um comprimido de calcio. Gostaria de saber se no meu caso, tem cura ?
    Obg desde já.

    • http://www.mdsaude.com Pedro Pinheiro

      Artrite reumatoide não tem cura. O que tem é controle da doença.

  • lucy

    Estou muito feliz por ter um site que esclarece o que parece ser complicado, estao de parabens

  • disqus_JKPIlNO3at

    sou aluna de medicina e gostaria de saber porque ocorre o acometimento das sinovias das maos primariamente à outras articulações. obrigada

  • Fatima

    0lá Dr. quem tem atrite artrose pode fazer algum tipo de atividade fisica.

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Pode, mas deve ser orientado pelo reumatologista.

  • Léla

    Doutor, tire-me uma duvida, por favor? (só tenho médico daqui um mês).

    Raio-x: Opacidade nodular radiodensa, medindo 0,4 cm, projetada no campo pulmonar inferior direito, de aspecto calcificado e residual.

    O que pode ser isso?
    Isso pode ter sido causado pelo uso do biológico (Enbrel) ou pela propria Artrite Reumatoide Juvenil?

  • kelly

    Dr, muito o brigada pela resposta rápida, admiro muito seu trabalho, mais uma duvida: mesmo sem sintomas meu vhs deu 40. mucoproteina 119, tirosina 5.0 e fan nucleo positivo pontilhado fino 1/80. o resto deu normal aslo latex pcr hemograma etc. começei ontem a tomar prednisona de 8/8 hrs e reuquinol uma vez ao dia tenho que tomar por 40 dias e refazer os exames. Estou muito preocupada até com medo de tomar os remédios nem tenho certeza se estou com AR mesmo. Essa dosagem é normal? acha que devo consultar outra opinião? Me desculpe a insistencia. desde já agradeço muitissimo.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

    Sim. Não se sabe bem por que, mas provavelmente por predisposição genética, ela fica mais susceptível a ter doenças autoimunes.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

    Não. E Isso vale para qualquer doença.

  • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

    Não. E Isso vale para qualquer doença.

  • kelly

    um reumatologista pode dar um diagnostico sem nem mesmo perguntar se a pessoa sente dor???
    só os exames de sangue podem ser suficientes??

  • kelly

    quando a pessoa tem uma doênça auto imune, o surgirmento de outras é mais comum? por que?

  • kelly

    quando a pessoa tem uma doênça auto imune, o surgirmento de outras é mais comum? por que?

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Sim. Não se sabe bem por que, mas provavelmente por predisposição genética, ela fica mais susceptível a ter doenças autoimunes.

  • kelly

    olá dr, fiz um chek up pedido pelo cardio pois tenho pvm, ele me mandou para o reumato pois meu fan deu nucleo reagente pontilhado fino 1/80. e pcr 3.9. passei no reumato e ele repetiu e passou novos exames. Que foram vhs: 40. Fan novamente nucleo reagente pontilhado fino 1/80. Mucoproteina 119.0, tirosina 5.0. O pcr agora deu não reagente e o resto deu normal: aslo, latex, waler rose, hemograma, acido urico e glicose. O reumato me receitou prednisona 5 mg de 8 em 8 hs, e relquinol 400 mg um depois do almoço po 40 dias pra repetir os exames. Mais considero que não tenho os sintomas fisicos para esse diagnostico. Posso estar com artrite mesmo sem sintomas ou pode ser outra doênça auto imune, ou até alguma doênça não auto imune. Começei a tomar os remédios hoje, mas tenho medo de estar tomando remédio pra uma doênça que talvez não tenha. É possivel esse diagnostico estar errado? Acha que devo consultar outro médico?

  • Sara Borges Borges

    Ola Dr, Gostaria de saber se quem tem AR pode fazer hidroginastica e se de alguma forma isso ajuda no tratamento?

  • Sara Borges Borges

    Ola Dr, Gostaria de saber se quem tem AR pode fazer hidroginastica e se de alguma forma isso ajuda no tratamento?

  • jorginaldo vieira Melo

    Meu nome é jorge,gostaria de saber se tem algum remédio para aliviar a dor e a inflamação da artrite reumática.

  • Rossita

    Apresento muitos sintomas de AR e os exames deram todos positivos para AR e Lupus. O reumatologista diagnosticou AR e com predisposição para desencadear Lupus.Estou tomando Reuquinol 400 ha quase 2 meses e  não fez efeito, pois as dores que tinha nas mãos, continuaram e a elas, se somaram dores no joelho e cotovelo.Reumatologista disse pra completar os 2 meses com Reuquinol e suspender. Ele  receitou também Prelone(corticoide),para tomar 2 comp.cedo, de 5mg por dia, por 2 meses, até a proxima consulta.Comecei a tomar corticoide dia 03/05, ou seja, ha 3 dias.Já sei que os corticóides podem causar muitos efeitos colaterais. Por enquanto, não senti melhora e nem efeito colateral. E depois de 2 meses de uso do corticoide, o que será que o médico vai receitar, pois sei que  a AR é crônica e não tem cura? Será que terei efeitos colaterais graves? E pro resto da minha vida, o que eu terei de tomar?

  • Ef_ribeiro

    Pesquisa positiva do fator reumatoide, realizada antes do início do tratamento, pode se tornar negativa ao longo deste, conforme a remissão da doença? Grata.

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      O valor do fator reumatoide não muda de acordo com o grau de atividade da doença.

  • Tatianamayumi

    Ola!!!Tenho artrite reumatoide juvenil desde os 20 anos agora estou com 35,meu reumato passou etanecept so que enchi meu rosto de espinha e engordei muito ai ele trocou pela humira qual e a melhor???

  • Tatianamayumi

    Ola!!!Tenho artrite reumatoide juvenil desde os 20 anos agora estou com 35,meu reumato passou etanecept so que enchi meu rosto de espinha e engordei muito ai ele trocou pela humira qual e a melhor???

  • Antonia

    gostaria de saber se existe um remedio cazeiro pra artite reumatoide

    • https://plus.google.com/+PedroPinheiro/ Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      Nada cientificamente comprovado.

  • Dilza

    Oi, Joice! Também tenho o mesmo problema há 15 anos.  Voce tem dor de garganta por causa da AR, na verdade, essa doença é tão maldita que ela inflama a laringe, comigo isso as vezes acontece e só melhora quando tomo piroxican, e depois de umas 2 horas a dor some. Também é muito bom voce estar sempre agasalhada, principalmente quando o tempo estiver frio. Procure se tratar o mais rápido possível, deus te abençõe e te cure!
    Dilza (meu e-mail: dilzams@yahoo.com.br)

  • Ana Gabriela Gonçalves Soares

    Gabriela.

    Dr Pedro. Boa tarde.

    Minha tia teve uma crise muito forte, tudo começou com uma dor nos punhos muito forte, agora esta nos pés também, ela não está conseguindo nem andar, como dependemos no Sistema único de saúde, ainda não conseguimos marcar um especialista, eles só dão remédio de dor no entanto nada melhora, estamos desesperados para uma solução, pelos sintomas estou achando que é Gota, ela tem um má alimentação, e está acima do peso. Ela grita de dor, e os médicos falaram que só um especialista para ajudar… Será que tem algum alimento ou medicamento caseiro que eu possa dar a ela, enquanto não consigo marcar um especialista…
    Desde já agradeço.. Há por conta da dor a pressão arterial dela está subindo muito, e ela nunca teve problemas com pressão alta.

    Gabriela.

  • Ana Gabriela Gonçalves Soares

    Gabriela.

    Dr Pedro. Boa tarde.

    Minha tia teve uma crise muito forte, tudo começou com uma dor nos punhos muito forte, agora esta nos pés também, ela não está conseguindo nem andar, como dependemos no Sistema único de saúde, ainda não conseguimos marcar um especialista, eles só dão remédio de dor no entanto nada melhora, estamos desesperados para uma solução, pelos sintomas estou achando que é Gota, ela tem um má alimentação, e está acima do peso. Ela grita de dor, e os médicos falaram que só um especialista para ajudar… Será que tem algum alimento ou medicamento caseiro que eu possa dar a ela, enquanto não consigo marcar um especialista…
    Desde já agradeço.. Há por conta da dor a pressão arterial dela está subindo muito, e ela nunca teve problemas com pressão alta.

    Gabriela.

  • Alzira

    Dr Pedro
    Meu marido tem AR e está com as mãos deformadas e com tofos, principalmente nos polegares. Ele faz tratamentos, mas não adianta muito. Eu gostaria d saber se o Sr não gostaria de receber (por e-mail) algumas fotos. (para experiência ou sei lá o que)
    Alzira

  • Alzira

    Dr Pedro
    Meu marido tem AR e está com as mãos deformadas e com tofos, principalmente nos polegares. Ele faz tratamentos, mas não adianta muito. Eu gostaria d saber se o Sr não gostaria de receber (por e-mail) algumas fotos. (para experiência ou sei lá o que)
    Alzira

  • Elisabete A. de A. Neumann

    Olá Dr. Pedro!
    Gostei muito do seu blog,
    pois está me dando forças para não desistir de procurar ajuda para os meus problemas de saúde.
    Sei que o seu tempo é curto e não sei se o sr vai poder ler tudo que tenho a relatar, sobre o que tenho passado ao longo dos meus 48 anos de idade, mas essa a a unica forma que tenho, diante de tanta procura sem êxito. De qualquer forma vou tentar.
    Tenho 48 anos e desde os 5 anos, já sofria com fortes dores nas pernas,
    pois eu morava num lugar onde tinha que subir muitas escadas para chegar até minha casa. Minha mãe sofria, pois as pessoas sempre diziam que era frescura minha, então minha mãe me levava ao médico e nada era descoberto. Os anos se passaram eu tive que começar a trabalhar aos 12 anos e sempre com dores e me sentindo cansada, mas como os médicos diziam que eu não tinha nada, tive que me acostumar a conviver com essas dores que com o tempo foi afetando todo meu corpo (procurava sempre algo para fazer porque quando estava parada, piorava muito) Aos 18 anos trab. estudando, sem tempo e desacreditada que havia algo errado devido não descobrirem nada, só ia parar num hospital quando era emergência.
    A faze adulta chegou e cada hora uma coisa diferente, 1° conheci uma médica que ao ouvir minhas queixas, resolveu investigar e descobriu que eu tinha Fibromialgia, medicamentos me foram indicados, mas sem muita melhora. As dores cada vez mais frequentes…para encurtar o assunto colocarei aqui as doenças que afetam hoje o meu corpo…Fibromialgia, Hérnia Discal (Lombar e Cervical) Vitiligo, Hipertensão Arterial, problemas sérios na Vesícula Biliar (retirada ao 30 anos totalmente destruída) e acho que também estou com Trombose, pois minha perna esquerda é mais grossa que a direita de uns 2 anos para cá, mas pergunto aos médicos e eles nada dizem e não fazem nada só dizem que minha doenças são autoimunes e que não tem cura.
    Não tenho muita força física não Dr mas minha esperança de conseguir um tratamento é grande e por essa razão que eu peço uma luz no fundo do túnel. Existe algum centro de diagnóstico que eu possa procurar para fazer uma investigação sobre os meus problemas? Se li corretamente tudo que o Sr tem escrito, acho que devo ter esperanças de uma qualidade de visa melhor correto? Procuro estar sempre em contato com amigos através de redes sociais para distrair e não comento sobre os problemas. Estou sempre brincando e fazendo as pessoas riem. Quando elas tem seus problemas, procuro ajudar de todas as maneiras, física e mentalmente. Acho que é uma forma que encontrei de esquecer por alguma horas tantas dores, mas a hora de ir para a cama é terrível, pois além das dores fortíssimas por todo o corpo, tem ainda a perna esquerda que além de doer muito fica quente.
    Se estou certa, pode ser que se eu realmente tenho um problema autoimune, tenho a possibilidade de controlar tudo isso!
    Não sei se terei resposta, mas fica registrado aqui, mais uma das minha tentativas.
    Seja como for, agradeço da mesma forma.
    Att. Elisabete.

  • Elisabete A. de A. Neumann

    Olá Dr. Pedro!
    Gostei muito do seu blog,
    pois está me dando forças para não desistir de procurar ajuda para os meus problemas de saúde.
    Sei que o seu tempo é curto e não sei se o sr vai poder ler tudo que tenho a relatar, sobre o que tenho passado ao longo dos meus 48 anos de idade, mas essa a a unica forma que tenho, diante de tanta procura sem êxito. De qualquer forma vou tentar.
    Tenho 48 anos e desde os 5 anos, já sofria com fortes dores nas pernas,
    pois eu morava num lugar onde tinha que subir muitas escadas para chegar até minha casa. Minha mãe sofria, pois as pessoas sempre diziam que era frescura minha, então minha mãe me levava ao médico e nada era descoberto. Os anos se passaram eu tive que começar a trabalhar aos 12 anos e sempre com dores e me sentindo cansada, mas como os médicos diziam que eu não tinha nada, tive que me acostumar a conviver com essas dores que com o tempo foi afetando todo meu corpo (procurava sempre algo para fazer porque quando estava parada, piorava muito) Aos 18 anos trab. estudando, sem tempo e desacreditada que havia algo errado devido não descobrirem nada, só ia parar num hospital quando era emergência.
    A faze adulta chegou e cada hora uma coisa diferente, 1° conheci uma médica que ao ouvir minhas queixas, resolveu investigar e descobriu que eu tinha Fibromialgia, medicamentos me foram indicados, mas sem muita melhora. As dores cada vez mais frequentes…para encurtar o assunto colocarei aqui as doenças que afetam hoje o meu corpo…Fibromialgia, Hérnia Discal (Lombar e Cervical) Vitiligo, Hipertensão Arterial, problemas sérios na Vesícula Biliar (retirada ao 30 anos totalmente destruída) e acho que também estou com Trombose, pois minha perna esquerda é mais grossa que a direita de uns 2 anos para cá, mas pergunto aos médicos e eles nada dizem e não fazem nada só dizem que minha doenças são autoimunes e que não tem cura.
    Não tenho muita força física não Dr mas minha esperança de conseguir um tratamento é grande e por essa razão que eu peço uma luz no fundo do túnel. Existe algum centro de diagnóstico que eu possa procurar para fazer uma investigação sobre os meus problemas? Se li corretamente tudo que o Sr tem escrito, acho que devo ter esperanças de uma qualidade de visa melhor correto? Procuro estar sempre em contato com amigos através de redes sociais para distrair e não comento sobre os problemas. Estou sempre brincando e fazendo as pessoas riem. Quando elas tem seus problemas, procuro ajudar de todas as maneiras, física e mentalmente. Acho que é uma forma que encontrei de esquecer por alguma horas tantas dores, mas a hora de ir para a cama é terrível, pois além das dores fortíssimas por todo o corpo, tem ainda a perna esquerda que além de doer muito fica quente.
    Se estou certa, pode ser que se eu realmente tenho um problema autoimune, tenho a possibilidade de controlar tudo isso!
    Não sei se terei resposta, mas fica registrado aqui, mais uma das minha tentativas.
    Seja como for, agradeço da mesma forma.
    Att. Elisabete.

  • Thainara

    tratamento completo sem interromper , tomando os remedios nas horas certas sem parar durante o periodo em que o medico indicar voce vai melhorar

  • Thainara

    tratamento completo sem interromper , tomando os remedios nas horas certas sem parar durante o periodo em que o medico indicar voce vai melhorar

  • jorginaldo vieira Melo

    Meu nome é jorge,gostaria de saber se tem algum remédio para aliviar a dor e a inflamação da artrite reumática.

  • Suzane kelly

    Meu nome e Suzane, gostaria de saber se a artrite reumática tem prevenção, e se tem qual e a prevenção.

  • Eliane Souza paim

    OI, MEU NOME É ELIANE TENHO UMA FILHA PORTADORA DE PURPURA E ELA ESTÁ SENTINDO MUITAS DORES NAS ARTICULAÇÕES E COLUNA. GOSTARIA MUITO DE SABER SE SENDO ELA PORTADORA DE PURPURA ISSO PODE AGRAVAR E ATÉ QUANTO, POR FAVOR ME EXCLAREÇA, POIS NÃO SEI DIREITO O QUE A DOENÇA FAZ E PODE PREJUDICAR MINHA FILHA.

  • Desireefrossard

    ^Meu pai possui artrite reumatóide deformante e está em fase aguda da doença. Tem dificuldade em se locomover uma vez que atingiu as articulações dos pés e joelhos. Será que ele pode fazer uso de alguma das derogas modificadoras de resposta biológica? Como conseguir? O SUS fornece?

  • Antoniamjcelestino

    Dr. meu pai sofre a meses com esse problema, eu ñ sei mais o que fazer… fico muito triste quando chego na casa dele que ele está chorando  com tanta dor.

  • Nara santos

    tenho 27 anos e namoro um rapaz da mesma idade, eu tenho herpes genital e ele tem artrite reumatoide, só que não tivemos relação sexual ainda, e queremos saber quais os riscos que ele corre, sabendo que herpes é um vírus altamente contagioso, quais as consequências?

  • Lenilda

    meu nome é lenilda, gostaria de saber se artrite reumatóde é hereditária?

  • Joycepaulichen

    Oi,Estou na fase  das dores e agora junto com as dores uma dor de garganta muito grande.Fui diagnosticada com artrite reumatoide,e não entendo prque a dor de garganta que não pasa nunca
    por que tanta dor?

  • Joycepaulichen

    Oi,Estou na fase  das dores e agora junto com as dores uma dor de garganta muito grande.Fui diagnosticada com artrite reumatoide,e não entendo prque a dor de garganta que não pasa nunca
    por que tanta dor?

    • Dilza

      Oi, Joice! Também tenho o mesmo problema há 15 anos.  Voce tem dor de garganta por causa da AR, na verdade, essa doença é tão maldita que ela inflama a laringe, comigo isso as vezes acontece e só melhora quando tomo piroxican, e depois de umas 2 horas a dor some. Também é muito bom voce estar sempre agasalhada, principalmente quando o tempo estiver frio. Procure se tratar o mais rápido possível, deus te abençõe e te cure!
      Dilza (meu e-mail: dilzams@yahoo.com.br)

  • DAYGARCIA28

    GOSTARIA DE SABER O QUE PODE SER O REUMATOIDE LATEX DEU 512.
    O QUE PODE SER. O QUE DEVO FAZER, ESTOU PREOCUPADA.

  • Mario

    Pessoal, boa tarde!!
    Foi diagnosticado em meu filho com 24 anos, espondilite anquilosante. Tentei de todas as formas medicação, em especial, medicina ortomolecular. Gastei uma fortuna e de nada, absolutamente nada adiantou para o problema dele. Foi quando consultamos um reumatologista em Curitiba, que recomendou a utilização de “HUMIRA”. Santa medicação!!!! Ele toma quinzenalmente e, hoje, a espondilite está “remissiva”.
    Pessoal, não tenham medo, procurem seus reumatologistas na busca desta medicação. É o que tem de mais recente para o tratamento de doenças reumáticas, além do SIMPONI.
    Felicidades a todos!!!

  • Moriegna

    tenho 30 anos e convivo com artrite ha 10 anos tenho medo de um dia fica paralitica e a medicaçao nao fizer mais efeito ja sofri muito

     

  • Drmazanti02

    Nao é doenca de velho nao Roberta. Na verdade é mais comum em mulheres jovens.

  • Framsena1

    realmente conviver ARé angustiante tenho medo de ficar paralizada estou sentindo fortes dores na coluna,tomo corticoide direto estou sentindo os efeitos colaterais,seria bom  os governantes olhasse mais para esta questao!

  • Framsena1

    tenho artrite desde 97 quando estava gravida da segunda filha  hoje ea reclama c/dores será que ela e meus outros dois filhos poderam desevolver a doença?

  • Anonymous

    Parabéns pelo texto.Dr Pedro será que poderia fazer algum comentário sobre a utilização de PRP(plasma rico em plaquetas ) no tratamento da A.R

  • Marilene Simplicio

    Tenho 46 anos e uma vida muito ativa, descobri que tinha artrite reumatoide ha uns 5 anos, de 3 para cá venho tomando o medicamento Etanercept (Embrel) 50 mg injetável, combinado com metotrexto 2,5mg  10 comprimidos uma vez por semana desde então não tenho mais os sintomas da artrite. Tenho receio apenas que esses medicamentos com o passar do tempo possam me trazer outras consequencias. Que Deus nos abençoe!

  • Yuricastello

    é verdade… Geralmente neste estagio o reumatologo já passou os medicmentos biologicos pagospelo SUS,…
    Na verade, segundo reumatologo Argentino que tratou minha mãe, estes remedios biologicos, carrissimos, deveriam ser receitados liogo no começo… Mas eles, o governo, preferem deixar a pessoa piorar um pouco – acreditando em economia!!!! è o quie me parece.. Correr atraz disso logo… matenha contato,,,..

    Minha máe esta no 2 biologico dela: o HUMIRA… tem dado resultado… Suas mãos e peres desicharam muito e a dor diminui bastante… Boa sorte,.matenha contato!

    yuricastello@hotmail:disqus .com

  • https://plus.google.com/113288925849694682313 Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

    Tem de ser indicado por um reumatologista.

  • Desireefrossard

    ^Meu pai possui artrite reumatóide deformante e está em fase aguda da doença. Tem dificuldade em se locomover uma vez que atingiu as articulações dos pés e joelhos. Será que ele pode fazer uso de alguma das derogas modificadoras de resposta biológica? Como conseguir? O SUS fornece?

  • Antoniamjcelestino

    Dr. meu pai sofre a meses com esse problema, eu ñ sei mais o que fazer… fico muito triste quando chego na casa dele que ele está chorando  com tanta dor.

  • Yuricastello

    Olá!  Eu achei um tanto estranho falar que além dos biologicos e outros remedios utilizados par a artrite reumatoide não exista nenhum tratamento alternativa… Temos que levar em conta um dado não tão comum: de que a diferença entre o placebo e o medicametno convencional no geral é uma porcentagem muito pequena!

    Mas o que eu gostaria de citar era a VACINA ANTIBRUCÈLICA, que tem feito milagres para pacientes com ARTRITE REUMATOIDE, LER,LUPUS, e outras doencças relamticas, inflamatorias e locomotoras!
    Pesquise e verás os dados da pesquisa que evidenciam que 80% dos pacientes com ARTRITE REUMATOIDE, submetidos ao uso dessa smples vacina mal sentem os efeitos da doença! è de impressionar.. eu recomendo, apesar da relutancia de reumatologos para ,não aderir, mas simplesmente re-pesquisar o método – algo que foi feito pelos criadores da vacina, porém, eles não têm especialização em REUMATOLOGIA!!  Só questão de boa vontade, e ‘desapego’*!

  • Cunhajoaob

    Para quem tem coragem e tentar tratamentos alternativos, já que a artrite não tem cura, sugiro tomar cloreto magnésio PA. Para minha sogra foi ótimo. Quem quizer saber mais pesquise no google e veja o depoimento do padre Beno ou Bento.

  • Nane_neb

    Tenho 26 anos e convivo com a doença desde os 20… A gente fica parecendo um velhinho mesmo – cheio de dor e precisando de ajuda pra muita coisa, hehe, mas com o tratamento fica tudo bem.
    Boa sorte!

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

    A artrite reumatoide pode acometer jovens também, mas não é o mais comum

  • roberta

    descobri que tenho esta jostra chamada artrite reumatica, foi otimo saber o que se passa e quais a s formas de tratamento, grata pelo esclarecimento, o medico disse que estou com doença de velho e é normal isto apenas com o começo de de meus 35 anos?? isso acho q não é muito comum? né?

  • roberta

    descobri que tenho esta jostra chamada artrite reumatica, foi otimo saber o que se passa e quais a s formas de tratamento, grata pelo esclarecimento, o medico disse que estou com doença de velho e é normal isto apenas com o começo de de meus 35 anos?? isso acho q não é muito comum? né?

    • Drmazanti02

      Nao é doenca de velho nao Roberta. Na verdade é mais comum em mulheres jovens.

    • https://plus.google.com/113288925849694682313 Dr. Pedro Pinheiro – MD.Saúde

      A artrite reumatoide pode acometer jovens também, mas não é o mais comum

  • Sandra Villalba

    Boa tarde, tenho doença de still desde de 2004, mais so depois de 36 medicos varias internações, biopsia de musculo so tive diagnostico em 2007, ja tomei varios remedios, entre eles Remicade e atualmente estou tomando arava e actenra.
    Gostaria de saber mais sobre a doença de stil no adulto, só acho tópicos de artrite reumatoide.
    Sandra hoje estou com 43 anos e com a doença em atividade.

  • carmem

    Minha filha convive a 03 anos com uma doença auto imune que é a Doença de Stil, sendo que para chegarmos a esse diagnostico tivemos que percorrer 10 consultas médicas e finalmente começou o tratamento.Nesses 03 anos a doença já se manifestou 03 vezes e nesta última vez(julho/2011)também apareceu outra doença,Hipertireoidismo.Neste momento as duas doenças estão se acalmando com tanta medicação.Os médicos que cuidam da minha filha são excelentes.Se alguém está em busca de médico p essas doenças ou queira algum esclarecimento entre em contato(carmembpinheiro@yahoo.com.br)

  • Anonymous

    Ah, Léla!!!
    Eu sei o que vc sofre! Meu marido(52 anos) tem AR a quase 20 anos (eu tenho 42 anos). Toma prednisona, sente todos esses efeito colaterais e mais um pouco. E Ele não se conforma de que ele tem uma doença que não tem cura! E é verdade!! Com tantos avanços tecnológicos, como não conseguiram a cura pra uma doença que existe desde a antiguidade?!
    E eu o vejo assim morrendo aos poucos…
    Eu não posso fazer nada, e aí a minha vida vai acabando também…
    Não temos alegria, não saímos de casa, exceto pra irmos pro hospital.
    Que doença é essa que deforma, maltrata e não tem cura? É pior do a AIDS, o câncer…

    DR Pedro, desculpe o desabafo!!
    A.M.

  • Léla

    Obrigada por responder doutor.
    Entendo a sua colocação, mas na prática, nós pacientes, sabemos o que é ter Artrite e esperar a resposta desses medicamentos.

    Tem um outro site de reumatologia (nao vou fazer propaganda), que tem muitos membros que pensam como eu.
    Centenas de pessoas com o mesmo tipo de tratamento e com as mesmas queixas..

    Os biologicos são sim, muito caros, difíceis de conseguir pelo governo, mas ainda sim por tudo que passei e pelos companheiros de artrite que fiz ao longo desses anos (que não foram só as 5 pessoas testadas), não acredito no tratamento convencional.

    MTX = enjoos, tonturas, vômitos (no meu caso)

    Prednisona = Ganho de peso, problemas nos rins, problemas na pele, perda de calcio (no meu caso, obesidade, que me resultou numa gastroplastia e uma pré osteoporose na coluna)

    Arava = Não conheço casos de melhora ou piora.

    Naprosyn = problema de figado (esse relato foi apavorador de uma colega de hospital, pois não sabia que ele fazia tanto mal)

    Hidroxicloroquina= problemas de visao (eu nao tenho)

    Hoje faço uso da Prednisona, Arava, Hidroxicloroquina, reposição de calcio e vitamina D.
    Efeitos? Somente após a introdução do Enbrel com essas medicaçoes citadas…

    Antes as dores eram muito mais fortes e muito frequentes, muita limitações fisicas e deformidades; agora com o Enbrel, as dores diminuiram 90%, deformidades são sequelas que terei que suportar por resto da vida….

    ah sem falar que as deformidades me resultou tbm em 4 cirurgias de Pan Artrodese de tornozelos (1 no tornozelo direto, e 3 no tornozelo esquerdo, e estou indo para 4 cirurgias no tornozelo esquerdo – reparação).

    (Ahh, vale lembrar que tenho 24 anos, somente! Terei alguma articulação inteira aos 60 anos? #estareiviva?)

    Me pergunto, já que o Biologico (HOJE), é mais eficaz para impedir a evolução das deformidades, se eu tivesse começado a usá-lo ha mais tempo, poderia ter sido evitado todas essas sequelas e tratamentos cirurgicos?
    Uso ha 1 ano 2 meses.
    ….

    Pq hoje, quando é diagnosticado um caso novo de Artrite, não usa esses medicamentos para evitar todo esse processo danoso? (pelo valor, pelos riscos, ou por falta de dor e deformidades, que acontecerão querendo ou nao??)

    Eu sei que tem todo “um grande” risco que o senhor citou de efeitos colaterais… Mas nesse caso o benficios supera os riscos… (ou nao?)

    Eu sou cobaia e não sei? Uso um medicamento (biologico) que pode estar me fazendo um mal danado, mas é preciso passar por isso para descobrir o que realmente serve?

    É tudo muito confuso…
    Mas uma coisa EU (paciente de Poli -Artrite Idiopática Juvenil ha 13 anos), sou completamente CONTRA o MTX e prednisona!

    Dr. Pedro, desculpe a teimosia.. Claro que eu NUNCA saberei mais do que o senhor que estudou anos (e ainda estuda), tem que muita experiencia…
    Mas aqui eu falo como paciente de AIJ, que sofreu e sofre muitoooo por conta de um tratamento médico precário(opinião).

    Acho que fico procurando culpados pelo o que aconteceu comigo!

    É isso!
    Abraços!

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    @Léla
    Não é verdade que o metrotexate e a leflunomida sejam uma porcaria. Claro que existem casos e casos. Os DMARDs não biológicos funcionam muito bem em vários casos. Existe muita evidência científica de que estas drogas são eficazes. A sua amostra de 5 exemplos é muito pequena para afirmar que esse tratamento não funciona. Os trabalhos são feitos com dezenas de milhares de pessoas.
    Além disso, os modificadores de reposta biológicas estão no mercado há pouco tempo, surgiram no final da década de 90, e além de serem muito caros, apresentam muitos efeitos colaterais, várias restrições, causam imonosupressão e há ainda suspeitas de que possam aumentar o risco de alguns cânceres, como o linfoma, por exemplo. Não é uma conduta responsável indicar estas drogas para qualquer caso de artrite reumatóide.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    @Ana
    1- A artrite reumatoide é mais comum de surgir entre 30 e 55 anos. Ms pode aparecer antes ou depois desta faixa.
    2- O objetivo do tratamento deve ser sempre evitar as deformidades e preservar a qualidade de vida do paciente.

  • Léla

    Pq os médicos ainda optam por tratamentos convencionais sabendo que os Biologicos é a melhor alternativa para remissão da doença, impedir deformidades de articulaçoes?

    Já vi vários artigos do tipo: O diagnostico precoce favorece um melhor tratamento…
    Mas aí os médicos nos “enfiam” essa porcaria de MTX e prednisona (e as vezes Arava) que por experiencia propria não servem de NADA!
    fiquei 10 anos tomando essas coisas, e isso me resultou o titulo de deficiente fisico….

    agora dps de 500 articulaçoes perdidas, dps de 12 anos de tratamento “convencional” resolvem me tratarem com o Enbrel.

    Queria entender o pq dessa insistencia por esses medicamentos antigos que não fazem efeito (falo por mim, minha mãe, minha tia, e uma vizinha, pois sabemos na pele o insucesso desses medicamentos convencionais para Artrite Reumatoide e Artrite Idiopatica Juvenil);

  • Anonymous

    Dr Pedro.

    Meu marido tem 25 anos e foi diagnosticado com artrite reumatoide. é normal nessa idade apresentar a ar ? E o tratamento correto pode apresentar grandes melhoras ? Toda pessoa que tem ar, sofre essas deformidades com o tempo , mesmo fazendo tratamento ? Ele está tomando metrotexato, prednisona e ácido fólico.

    Obrigado.

    Ana….

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    @A.M
    Existe uma influência genética, mas isso não significa que os filhos obrigatoriamente terão artrite reumatoide também. Não há como prevenir.

  • Anonymous

    Dr Pedro
    Mais uma pergunta:
    Meu esposo tem AR, está numa fase bem avançada da doença. Temos 3 filhos. (22, 18 e 14 anos) Esses filhos podem vir a ter artrite? Tem como saber e prevenir?

    Grata: A.M.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    @A.M
    Não ajuda diretamente na artrite reumatóide, mas são importantes para te manter saudável e evitar outras complicações, que são mais comuns com o uso de corticóides, por exemplo

  • Anonymous

    Obrigada doutor
    Então aquelas dietas sem carnes vermelhas, com muitas frutas e verduras, não ajudam muito?

    Grata A.M.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    @A.M
    Uma dieta rica em omega 3 parece ajudar um pouco. Também é importante evitar gorduras em excessos. A artrite reumatóide pode causar anorexia em alguns caso, o que torna um controle da dieta importante. Na verdade, nenhuma dieta vai resolver a artrite reumatóide; ela pode apenas amenizar suas complicações.

  • Anonymous

    Dr pedro
    Eu gostaria de saber se dieta pode ajudar na AR, ou não adianta muito?

    Grata A.M.

  • rodravaz

    Espero realmente que ESTA doença possa ser controlada, preciso retornar esta semana ao medico, mas ao que tudo indica posso ester desenvolvendo-a, me encaixo em alguma caractristicas dos sinais e sintoma.
    Belissimo texto, muito exclarecedor, mas para quem esta na eminencia de ser diagnostic ado com a AR, não é muito animador!
    Rodrigo

  • Anonymous

    Dr pinheiro
    Parabéns pelo trabalho. Gostei muito deste texto. Meu marido sofre com Artrite Reumatóide há muitos anos, sofremos eu , ele e os filhos. A doença está numa fase crítica. Rogamos a Deus que vocês possam descobrir um remédio para a cura.

    Maria

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Suzana,
    Não.

  • Suzana

    Dr Pinheiro a artrite reumatoide pode dificultar o diagnostico de uma pessoa que tenha hiv, ou seja pode interferir no resultado do exame? Obrigada.
    Suzana.

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    Michel,
    a informação está correta. Não existe literatura científica que comprove que a acupuntura seja superior ao placebo na artrite reumatóide.

    A maioria dos trabalhos não conseguiram comprovar vantagens e os poucos que demostraram superioridade sobre o placebo apresentavam problemas metodológicos importantes, o que torna seus resultados pouco confiáveis.

    existem 2 grandes trabalhos que confirmam essa ausência de eficácia:
    1.) The effect of acupuncture on patients with rheumatoid arthritis: a randomized, placebo-controlled cross-over study. David J; Townsend S; Sathanathan R; Kriss S; Dore CJ. Rheumatology (Oxford) 1999 Sep;38(9):864-9.

    2.) Acupuncture for rheumatoid arthritis: a systematic review. Lee MS; Shin BC; Ernst E. Rheumatology (Oxford). 2008 Dec;47(12):1747-53.

    De qualquer maneira, não encontrei essa informação dos 65% no site da OMS. Poderia, por favor, me mandar o link deste trabalho para eu avaliá-lo?

  • Michel

    Atenção!
    Informação errada neste texto.
    O tratamento de artrite reumatóide por acupuntura é reconhecido pela Organização Mundial de Saúde, e, segundo a site sa OMS, a acupuntura promove o alívio da dor e melhora dos sintomas gerais em 65% dos casos.

  • Léla

    Olá!

    Eu tenho ARJ há 12 anos, estou numa fase crítica da doença!

    Sempre procuro matérias a respeito do assunto!

    Ótima matéria e de fácil entendimento!

    Abçs

  • http://www.blogger.com/profile/07948507723271517173 Dr. Pedro Pinheiro

    OK, pedido anotado

  • Anonymous

    Dr, excelente texto sobre artrite reumatóide. Será que o sr poderia escrever também sobre Sjogren? Minha mãe tem as duas doenças.
    Stephany