FLUCONAZOL – Tratamento para Candidíase e Micoses

Bula simplificada sobre o medicamento Fluconazol, usado habitualmente para tratar quadros de micose ou candidíase.

123

O Fluconazol é uma droga com ação antifúngica, da família dos triazólicos, muito usada para o tratamento de diversas micoses, especialmente aquelas provocadas pelas espécies do fungo Cândida, tais como candidíase vaginal ou candidíase da orofaringe, conhecida popularmente como sapinho.

O Fluconazol pode ser administrado por via oral ou por via intravenosa. Esta última forma é habitualmente reservada para casos graves. O Fluconazol não é vendido em pomadas ou cremes. Para o tratamento tópico ou intravaginal das infecções fúngicas, outros antifúngicos são indicados, como Cetoconazol, Miconazol ou Cotrimazol, por exemplo.

Neste artigo vamos abordar os seguintes pontos sobre o Fluconazol:

  • Para que serve.
  • Nomes comerciais.
  • Como tomar.
  • Fluconazol para candidíase.
  • Efeitos colaterais.
  • Contraindicações.
  • Interações medicamentosas.

Atenção: este texto não pretende ser uma bula do Fluconazol. Nosso objetivo é ser menos técnico que uma bula e mais útil aos pacientes que procuram informações sobre este medicamento.

Para que serve o Fluconazol

O Fluconazol é um antifúngico com ação contra os seguintes fungos: Candida spp., Cryptococcus neoformans, Microsporum spp., Blastomyces dermatitides e Histoplasma capsulatum.

Entre as infecções por fungos que podem ser tratadas com o Fluconazol, podemos citar:

– Candidíase vaginal (leia: Tratamento da Candidíase Vaginal).
– Candidíase oral (leia: SAPINHO NA BOCA | Candidíase oral).
– Candidíase peniana (leia: CANDIDÍASE NO HOMEM – Causas, sintomas e tratamento).
– Candidíase de esôfago.
– Candidíase sistêmica (leia: CANDIDÍASE – Sintomas, Tipos e Causas).
– Tinea cruris (micose de virilha) (leia: MICOSE NA VIRILHA).
– Onicomicose (micose de unha) (leia: MICOSE DE UNHA | Onicomicose).
– Tinea pedis (frieira) (leia: FRIEIRA | Pé de atleta).
– Coccidioidomicose.
– Criptococose.
– Blastomicose.
– Pitiríase versicolor (pano branco)- (leia: PITIRÍASE VERSICOLOR – PANO BANCO).

Em geral, o fluconazol é o antimicótico de escolha no tratamento das infecções por Candida albicans ou Cryptococcus. Em relação às outras espécies de Candida, como a C. glabrata e a C. krusei, sua ação é menos efetiva, não devendo ser a primeira escolha para o tratamento destes fungos.

Nomes comerciais

O Fluconazol é um antifúngico já existente no mercado há muitos anos. Você pode adquiri-lo sob a forma genérica ou pelos vários nomes comerciais disponíveis, incluindo:

– Candizol.
– Flucazol.
– Flucomed.
– Fluconal.
– Fluconeo.
– Flunazol.
– Flutec.
– Glyfucan.
– Lertus.
– Monipax.
– Pronazol.
– Riconazol.
– Triazol.
– Unizol.
– Zelix
– Zoltec
– Zoltren

O Fluconazol é habitualmente vendido em comprimidos de 50 mg, 100 mg, 150 mg ou 200 mg. Em suspensão oral, existem as doses de 50 mg/5 ml ou 200 mg/5 ml.

Como tomar o Fluconazol

A dose mais usada é de 150 mg uma vez por dia. Nos casos de infecção fúngica de pele, sejam dermatofitoses ou infecções por cândida, o tratamento costuma ser 1 comprimido por semana por 2 a 6 semanas.

Fluconazol para candidíase

As diversas formas de candidíase podem ser tratadas com fluconazol. A forma, seja ela comprimidos ou via intravenosa depende da gravidade da candidíase.

Para candidíase vaginal ou peniana, a dose recomendada é de 150 mg em dose única. Em casos recorrentes, indica-se repetição da dose de 150 mg após 3 dias. Para candidíase oral o tratamento deve ser feito com 150 mg por dia por 7 a 14 dias.  Para saber detalhes sobre o tratamento da candidíase, acesse os links ao lado.

Não é preciso estar em jejum para tomar o fluconazol. A absorção da droga não é afetada pela ingestão concomitante de alimentos.

Efeitos colaterais

O Fluconazol é uma droga bem tolerada na grande maioria dos casos. Os efeitos adversos mais comuns são náuseas, diarreia e dor abdominal. Dor de cabeça é outro sintoma que pode surgir com o seu uso. Reações de pele também podem ocorrer e são mais comuns em pacientes portadores do HIV.

Raramente, o Fluconazol pode causar toxicidade do fígado, provocando elevação das enzimas hepáticas (leia: O QUE SIGNIFICAM TGO e TGP?).

Nos pacientes com insuficiência renal, a dose deve ser ajustada de acordo com a taxa de filtração glomerular para evitar intoxicação pela droga.

Doses excessivas, muito acima das habitualmente recomendadas, podem provocar distúrbios psiquiátricos, como alucinações e paranoia.

Contraindicações

O fluconazol é contraindicado em pacientes com conhecida sensibilidade à droga ou a qualquer componente do produto ou a compostos azólicos, como cetoconazol, miconazol ou itraconazol.

O Fluconazol deve ser evitado na gravidez, principalmente no primeiro trimestre de gestação, pois está associado a diversas má-formações. O seu uso durante o aleitamento materno também deve ser evitado, uma vez que a droga é excretada pelo leite.

Este medicamento não deve ser usado em associação com a terfenadina ou cisaprida, devido ao elevado risco de arritmia cardíaca.

Interações medicamentosas

O fluconazol pode causar aumento do INR em pacientes que usam anticoagulantes orais, como a varfarina.

O Fluconazol também potencializa os efeitos dos seguintes medicamentos, podendo levar à toxicidade: lovastatina, quinina, digoxina, zidovudina, fenitoína, clorpropamida, glibenclamida, ciclosporina, tacrolimos, midazolam e terfenadina.

A hidroclorotiazida aumenta o nível sérico do Fluconazol, enquanto a rifampicina o diminui.

O Fluconazol não corta o efeito da pílula anticoncepcional quando usado por períodos curtos, como é o caso do tratamento da candidíase vaginal ou oral. Porém, como o antifúngico diminui a metabolização do estrogênio, fazendo com que os seus níveis sanguíneos fiquem mais elevados, as consequências deste efeito nos pacientes que usam o antifúngico de forma prolongada ainda são desconhecidas.

Portanto, em princípio, não há relatos de falhas ou aumento dos efeitos colaterais da pílula, porém, para se ter certeza da segurança desta associação a longo prazo, mais estudos ainda são necessários.

Este artigo foi útil?
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (27 votos, Média: 4,96 de 5)
Loading...
VEJA OUTROS ARTIGOS SEMELHANTES