Fotos de lipoma (no braço, costas, pescoço e cirurgia)

Autor: Dr. Pedro Pinheiro

10 comentários

Atualizado:

Tempo estimado de leitura: 3 minutos.

O que é um lipoma?

O lipoma é um tumor benigno feito de células de gordura e revestido por uma capa fibrosa.

Os lipomas surgem no tecido subcutâneo, logo abaixo da pele, formando uma protuberância arredondada que é facilmente visível e palpável.

O lipoma não é câncer nem tem risco de virar câncer. Ele é sempre um tumor benigno. Não existe lipoma maligno.

Neste artigo vamos mostrar diversas imagens reais de lipomas. Se você procura por mais informações sobre esse tipo de tumor benigno, acesse o link: Lipoma: o que é, causas e tratamento.

Imagens de lipoma

Lipoma no antebraço
Lipoma no antebraço
Dois lipomas no braço
Dois lipomas no braço

Em qualquer local do corpo onde exista gordura subcutânea pode surgir um lipoma, porém alguns pontos são mais comuns, como: braços, ombros, pescoço, face, costas e tronco.

Lipoma no cotovelo
Lipoma no cotovelo
Lipoma no pescoço
Lipoma no pescoço
Lipoma na testa
Lipoma na testa

Na maioria dos casos, o lipoma é uma pequena protuberância arredondada que surge por baixo da pele. A maior parte dos lipomas mede entre 1,0 e 3,0 cm.

Com o passar dos anos, o lipoma pode se manter do mesmo tamanho ou pode ir crescendo. Em alguns pacientes, o tumor chega a ter mais de 10 cm de diâmetro.

Lipoma grande nas costas
Lipoma grande nas costas
Grande lipoma na nuca
Grande lipoma na nuca
Grande lipoma no tronco
Grande lipoma no tronco

À palpação, o lipoma se mostra como uma massa com bordas bem definidas, mole e com consistência elástica. Ele é facilmente comprimível com o dedo, como se pode ver na imagem abaixo.

Consistência elástica do lipoma
Consistência elástica do lipoma

A ocorrência de múltiplos lipomas pelo corpo costuma estar associada a algumas doenças raras, tais como: adipose dolorosa, doença de Madelung, síndrome de Cowden ou síndrome de Gardner.

Múltiplos lipomas no tronco
Múltiplos lipomas no tronco

Nos casos em que o lipoma cresce muito, é esteticamente indesejável ou provoca dor, a cirurgia para remoção do tumor é uma opção. O procedimento costuma ser simples e pode ser feito com anestesia local.

Pequeno lipoma removido cirurgicamente
Pequeno lipoma removido cirurgicamente
Grande lipoma nas costas removido cirurgicamente
Grande lipoma nas costas removido cirurgicamente

Referências


Autor(es)

Dr. Pedro Pinheiro

Médico graduado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com títulos de especialista em Medicina Interna e Nefrologia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), Universidade do Porto e pelo Colégio de Especialidade de Nefrologia de Portugal.

COMENTÁRIOS (por favor, leia as regras do site antes de enviar a sua pergunta).
Temas relacionados
Diverticulite Diverticulite e diverticulose: sintomas e tratamento
Doenças do cigarro Doenças do cigarro e como parar de fumar
Melanoma Melanoma: O que é, fotos, sintomas e tratamento
Câncer Como Surge o Câncer?
Linfoma Linfoma: tipos, sintomas e tratamento
Apendicite Apendicite: sintomas, causas e tratamento
Pedra na vesícula Pedra na Vesícula – Sintomas, causas e cirurgia
Câncer Sintomas de câncer (14 sinais típicos de tumores)
Dieta - Câncer Relação entre dieta e risco de câncer
Dicas câncer 7 dicas para evitar os principais tipos de câncer
carcinoma O que são carcinoma e adenocarcinoma?
Anestesia Tipos de anestesia (geral, local, raquidiana e peridural)
carcinoma basocelular Carcinoma Basocelular de Pele: sinais e tratamento
Câncer de mama Câncer de mama (genes BRCA1 e BRCA2)
Lipoma Lipoma: o que é, causas e tratamento
Anemia ou leucemia Anemia pode virar leucemia?
Pílula e câncer A pílula anticoncepcional causa câncer?
Apendicite 10 Sintomas da apendicite em adultos, crianças e bebês