Fotos de psoríase (todos os tipos)

Foto do autor

Escrito por: Dr. Pedro Pinheiro

Atualizado em:
Tempo de leitura estimado do artigo: 2 minutos

(!) Neste artigo, apresentaremos imagens dos principais tipos de psoríase. Se você procura mais informações sobre a doença, acesse o seguinte link: Psoríase – Causas, sintomas e tratamento.

Introdução

A psoríase é uma doença de origem autoimune que surge quando o ciclo de vida das células da pele fica muito acelerado, resultando em um rápido acúmulo de células mortas da pele.

Essas células que se acumulam formam escamas grossas e manchas vermelhas e ressecadas que podem provocar coceira ou dor. Em alguns casos, bolhas cheias de pus aparecem.

A psoríase costuma ser classificada em 7 tipos diferentes, conforme a aparência e o comportamento das lesões. São elas:

  • Psoríase em placas.
  • Psoríase gutata.
  • Psoríase invertida.
  • Psoríase ungueal.
  • Psoríase no couro cabeludo
  • Psoríase pustulosa.
  • Psoríase eritrodérmica.

Imagens

Psoríase em placas

A psoríase em placas, a forma mais comum de psoríase, causa lesões que são placas ressecadas, elevadas, avermelhadas e cobertas com escamas prateadas.

As placas podem coçar e serem dolorosas e são capazes de surgir em qualquer parte do corpo, mas são mais comuns nas superfícies extensoras dos joelhos, cotovelos, couro cabeludo, mãos e tronco.

O paciente pode ter apenas algumas placas ou muitas. As lesões ao redor das articulações podem se abrir e sangrar.


Psoríase gutata

A psoríase gutata é o tipo mais comum em crianças e adultos jovens e geralmente é desencadeada por uma infecção bacteriana, como uma faringite bacteriana.

A psoríase gutata é caracterizada por pequenas lesões avermelhadas em forma de gota, principalmente no tronco, braços e pernas. As lesões são cobertas por uma escama fina e não são tão grossas quanto as da psoríase em placa.

O paciente pode ter um único surto que desaparece por conta própria ou pode ter episódios repetidos.


Psoríase invertida

A psoríase invertida provoca lesões avermelhadas, mas com pouca ou nenhuma descamação, nas áreas de dobras, como axilas, virilhas, glúteos, abaixo dos seios e ao redor dos órgãos genitais.

Essa forma é mais comum em pessoas obesas e piora com a fricção e a umidade do suor. As lesões são frequentemente confundidas com infecções da pele por fungos ou bactérias.


Psoríase ungueal

A psoríase pode afetar as unhas das mãos e dos pés, causando rachaduras, pequenas depressões, crescimento anormal e descoloração. Nos casos mais graves, as unhas podem ficar seriamente danificadas e cair.

A psoríase das unhas geralmente vem acompanhada de outro tipo de psoríase, como em placas.


Psoríase de couro cabeludo

A psoríase do couro cabeludo surge como áreas vermelhas com escamas branco-prateadas que costuma causar comichão. As manchas escamosas podem se estender além da linha do cabelo, aparecendo na testa, nuca e ao redor das orelhas.


Psoríase pustulosa

Esse tipo incomum de psoríase pode surgir como uma reação a uma infecção, estresse, medicamentos ou contato com certos produtos químicos.

A psoríase pustulosa provoca lesões avermelhadas, dolorosas e com pústulas (bolhas com pus) em sua superfície. Quando secam, as lesões tornam-se amarelados e escamosos.

Geralmente aparece nas palmas das mãos ou na parte inferior dos pés. As bolhas podem se romper, deixando a pele rachada e dolorida.


Psoríase eritrodérmica

Essa é a forma mais rara e grave de psoríase. Ela cursa com grandes áreas da pele avermelhadas, como queimaduras solares, que descascam. As lesões podem cobrir praticamente o corpo todo, coçam e doem.

A psoríase eritrodérmica é uma emergência médica, pois a pele toda inflamada perde sua capacidade de agir como barreira contra germes do meio externo, deixando o paciente exposto a infecções graves.

Autor(es)

Dr. Pedro Pinheiro

Médico graduado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com títulos de especialista em Medicina Interna e Nefrologia pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), Universidade do Porto e pelo Colégio de Especialidade de Nefrologia de Portugal.

Saiba mais

Artigos semelhantes

Ficou com alguma dúvida?

Comentários e perguntas

Deixe um comentário


28 respostas para “Fotos de psoríase (todos os tipos)”

  1. Jean
    Psoríase tem cura?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Atualmente, não há uma cura definitiva para a psoríase. No entanto, existem várias opções de tratamento que podem controlar os sintomas e melhorar significativamente a qualidade de vida dos pacientes.
  2. Rosely Caputo Argento
    A psoríase quando não está em crise some da pele descasca e não fica nada. Pele nova e normal?
    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Quando a psoríase entra em remissão, os sintomas como a descamação, vermelhidão e inflamação desaparecem. A pele pode se regenerar e parecer saudável novamente. Contudo, é importante entender que a psoríase é cíclica e os sintomas podem voltar, caracterizando um novo surto.
  3. Gustave Rocha Rodrigues
    Me chamo Gustave, sou estudante de medicina no internato da FAMECA e estou atualmente elaborando um manual de dermatologia como parte do meu projeto acadêmico. Durante minhas pesquisas, encontrei as fotos desse artigo em seu site, que possui imagens relevantes para meu trabalho.

    Gostaria de solicitar sua autorização para utilizar as fotos desse artigo no meu manual. Caso seja possível, gostaria de informações sobre como devo proceder para citar a fonte corretamente, garantindo a devida atribuição ao MDsaúde.

    Agradeço antecipadamente pela atenção e espero por sua resposta.

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Gustave, essas fotos são compradas de websites de stockphotos como Shutterstock, 123RF e Depositphotos. Eu sou cliente desses sites, por isso tenho direito de usar essas imagens no meu site. Mas eu não tenho direito de cedê-las a terceiros.
  4. Eneide da Silva Oliveira

    Psoríase Dr, essa doença pega na relação sexual?

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Não.
      1. Kassia

        Psoríase não é transmissível. É uma resposta do próprio corpo da pessoa.

  5. Ana Paula

    Obrigada por me ajudar saciei todas minhas dúvidas.

  6. Walter Console

    Minhas dúvidas foram esclarecida através de sua explicação médica.

    Obrigado.

  7. Ronnie gomes

    Boa noite! Moro no nordeste, tenho um filho de 11 anos , seis meses indo de médico em médico e não sabem se meu filho tem psoríase oi dermatite. Preciso de ajuda .Deus esteja com vcs

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Já fizeram uma biópsia de pele?
  8. Raimunda do nascimento pimenta

    Bom dia, teria algum medicamento para aliviar psoríase?

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Falo do tratamento da psoríase no artigo: Psoríase: o que é, sintomas, tipos e tratamento.
  9. Arleth

    A psoríase pega no contato com a pessoa?

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Não, psoríase não é uma doença contagiosa.
  10. Josefa maria albuquerque

    Psoríase na planta dos pés formando rachaduras com dor, minha irmã está sofrendo muito e até agora os os remédios receitados não tem tido efeito

  11. Michel

    Muito bem elaborado, organizado e explicado. Parabéns e obrigado

  12. Mônica dos Santos

    Muito esclarecedor. Parabéns. Bem elaborado

  13. Conceição María Dias Araujo

    Minha é nos pé nas mãos e no couro cabeça e unha , estou desesperada nunca tive o que fazer

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Você precisa ser seguida e tratada por um dermatologista.
  14. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
    Dr. Pedro Pinheiro
    Você precisa ser seguida por um dermatologista. Não adianta querer fazer o tratamento por conta própria. A psoríase é uma doença complexa.
  15. Clecy

    Olha só tenho no pé parte interna.si eu retirar a camada grossa ou casca vejo umas bocas aberta por onde sai secreção. Dói e resseca mto

  16. Tãnia Mara Vasconcelos

    Psoriase tem cura?como fazer para tratar?

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Não, psoríase tem tratamento, mas não tem cura. Eu falo das opções de tratamento no artigo: https://www.mdsaude.com/dermatologia/psoriase/
  17. Cledy

    Tenho um problema na pele.

    Os médicos dizem que é problemas de circulação.

    As pernas incham do joelho pra baixo.

    Psoríase ou Erizipela?

    Como Saber?

    1. Avatar de Dr. Pedro Pinheiro
      Dr. Pedro Pinheiro
      Insuficiência venosa, psoríase e erisipela são 3 doenças bem diferentes e geralmente não são confundidas. O seu médico tem que decidir qual é o seu caso, porque elas são bem diferentes.