REUMATISMO – O que é, Sintomas e Tratamento

Reumatismo é um termo ainda popular, mas que está em desuso na medicina.

14

Reumatismo é um termo médico antigo, que há muitas décadas deixou de fazer parte dos dicionários médicos, mas que ainda é muito utilizado pela população leiga. Reumatismo costuma ser empregado nos casos de doenças dos sistemas muscular e osteoarticular de origem não traumática, o que, na prática, acaba por englobar centenas doenças de origens distintas.

Apesar de ser um termo amplo, é muito comum ouvirmos a palavra reumatismo sendo empregada de forma mais específica, como se fosse sinônimo de osteoartrose ou artrite reumatoide. O termo reumatismo também é muito empregado quando o paciente apresenta um quadro de artrite (inflamação de uma articulação). É bom lembrar que existe um número imenso de doenças que podem provocar uma artrite, desde infecções até doenças de origem imunológica.

Apesar de haver centenas de doenças cujos sintomas podem ser taxados como reumatismo, na maioria dos casos, quando alguém diz que está reumático, a osteoartrose ou a artrite reumatoide costumam ser o verdadeiro motivo.

Também é relativamente comum ouvirmos a expressão “reumatismo no sangue” como forma de descrever a febre reumática, uma outra doença completamente diferente, que costuma acometer crianças com amigdalite bacteriana não tratada. Reumatismo no sangue também não é uma expressão médica, não sendo utilizada em nenhum meio científico.

Atualmente, a palavra reumatismo foi substituída pelo termo “doenças reumatológicas”. Não se diz mais que o paciente tem reumatismo, mas sim que ele tem uma doença reumatológica. Mas, mais importante do que dizer que o paciente tem uma doença reumatológica é identificar qual delas é a causa, uma vez que a origem, os sintomas e os tratamentos de cada uma costumam ser completamente diferentes.

A área da medicina que estuda as doenças reumatológicas é a Reumatologia, e o médico especialista é o reumatologista.

Apesar de reumatismo ser um termo obsoleto, a maioria da população ainda o utiliza, e nos motores de busca da Internet, como o Google, a palavra “reumatismo” ainda é muito mais procurada que o termo “doença reumatológica”. Portanto, como esse texto é voltado para a população leiga, e para que as pessoas tenham mais facilidade de encontrar as informações que estão procurando, vou continuar utilizando a palavra reumatismo, apesar de já ter deixado claro que o termo correto é mesmo doença reumatológica (ou artrite, quando o quadro clínico se resumir a uma inflamação da articulação).

O que é reumatismo – O que é uma doença reumatológica

Podemos dizer que o reumatismo é um grupo de doenças que se caracteriza por alterações funcionais do sistema musculoesquelético de causa não traumática. Em outras palavras, são as doenças que acometem principalmente articulações, ossos ou músculos. Mas como já foi dito na introdução do texto, esse termo caiu em desuso por ser pouco específico. Vamos explicar.

Com o desenvolvimento da medicina moderna, passamos a compreender melhor os tecidos do nosso corpo e a fisiopatologia de muitas doenças. Com o passar dos anos, a área da medicina chamada reumatologia deixou de tratar apenas o que se chamava de reumatismos e passou a ser uma área de estudo do tecido conjuntivo, que é um grupo de tecidos responsáveis por unir, ligar, nutrir, proteger e sustentar os outros tecidos do corpo. Como exemplos de órgãos compostos por tecido conjuntivo, ou por células do tecido conjuntivo, podemos citar os vasos sanguíneos, ossos, cartilagens, tendões, articulações, gordura, músculo e até algumas células do sistema imunológico.

Atualmente, portanto, a reumatologia expandiu sua área de atuação para muito além dos reumatismos, sendo responsável também pelo tratamento de doenças autoimunes e vasculites. Entre as doenças que pertencem ao ramo da medicina chamado reumatologia, podemos citar alguns exemplos:

A febre reumática, chamada popularmente de reumatismo no sangue, é uma doença que pode acometer as articulações, mas o seu quadro mais grave é o acometimento das válvulas cardíacas, motivo pelo qual essa doença é habitualmente tratada pelo cardiologista (leia: FEBRE REUMÁTICA – Sintomas e Tratamento).

Sintomas do reumatismo / doenças reumatológicas

Apesar das origens distintas, alguns sintomas são comuns à maioria das doenças reumatológicas, motivo pelo qual antigamente eles eram chamadas de reumatismo.

Os sintomas típicos do reumatismo são a dor na articulação, que pode ou não vir acompanhada de inchaço e incapacidade funcional. A presença de inflamação em uma articulação é chamada de artrite.

Diferenças entre reumatismo e artrite

O que as pessoas chamam de reumatismo é, muitas vezes, um quadro de artrite, que é a inflamação da articulação. Quando o paciente queixa-se apenas de dor articular, sem haver nenhum sinal de inflamação na articulação dolorida, dizemos que ele tem uma artralgia. Por outro lado, se a dor articular vier acompanhada de inchaço, vermelhidão e calor local, isso aponta para uma articulação inflamada, e o nome correto é artrite.

Várias das doenças listadas no tópico anterior pode apresentar artrite, sendo a artrite reumatoide, a osteoartrite e a gota as doenças mais típicas. Vamos falar resumidamente dos sintomas dessas doenças, que são as causas mais comuns de “reumatismo”.

Leia também: DIFERENÇAS ENTRE ARTRITE E ARTROSE.

1- Sintomas da artrite reumatoide

A artrite reumatoide é uma doença autoimune e o seu principal sintoma é uma poliartrite simétrica, ou seja, múltiplas artrites que surgem de forma bilateral, como em ambas as mãos, pés, joelhos, ombros, etc. Além da artrite, também é muito comum a rigidez articular nas primeiras horas da manhã.

Se não houver tratamento adequado, a artrite reumatoide pode causar  graves deformidades das articulações, principalmente nas mãos.

Para saber detalhes da artrite reumatoide, leia: ARTRITE REUMATOIDE – Sintomas e Tratamento.

2- Osteoartrite

A osteoartrite, também chamada de osteoatrose ou, simplesmente, artrose, é uma doença que surge pelo desgaste da cartilagem que protege a articulação. É muito comum em idosos.

O principal sintoma da artrose é a dor, que normalmente piora com esforço físico e alivia com repouso. Alguns pacientes apresentam piora da dor com mudanças no clima. Conforme a osteoartrite avança, a dor pode surgir com atividades cada vez menos intensas, podendo, por fim, ocorrer mesmo em repouso e durante a noite. A artrose em fases avançadas é uma doença incapacitante.

Para saber mais detalhes sobre a artrose, leia: ARTROSE – Sintomas, Causas e Tratamento.

3- Gota

A gota é um quadro de artrite provocado pela deposição de ácido úrico na articulação. A gota é habitualmente uma monoartrite, ou seja, uma artrite isolada em uma única articulação do corpo.

O principal sintoma da gota é uma artrite extremamente dolorosa, que pode surgir em várias articulações do corpo, mas é mais frequente na primeira articulação metatarsofalangiana (hálux ou dedão do pé).

Para saber mais sobre a gota, leia: ÁCIDO ÚRICO E GOTA.

Tratamento do reumatismo

Como espero ter ficado claro ao longo do texto, o reumatismo não é uma doença única, mas sim um termo que engloba sintomas musculoesqueléticos de várias doenças diferentes. Portanto, é impossível falarmos de forma extensa sobre o tratamento para o reumatismo, uma vez que cada uma das doenças reumatológicos possui um tratamento distinto.

Em geral, as artrites são tratadas com anti-inflamatórios comuns e, em alguns casos, corticoides (leia: ANTI-INFLAMATÓRIOS – Ação e efeitos colaterais e PREDNISONA E OUTROS CORTICOIDES). Nas doenças reumatológicas de origem autoimune, o tratamento é feito com medicamentos imunossupressores.

VEJA OUTROS ARTIGOS SEMELHANTES