40 Causas de Dor Abdominal – Dor na Barriga

A dor abdominal é um dos sintomas mais comuns da prática médica, podendo ser causada por dezenas de doenças diferentes.

63

Introdução

A região abdominal, por ser aquela que possui mais órgãos em nosso corpo, está mais sujeita a doer por uma enormidade de diferentes causas e doenças. A dor abdominal, chamada popularmente de dor na barriga, é muitas vezes um desafio para o médico, dada a grande quantidade de diagnósticos diferenciais possíveis.

Na maioria das vezes, a dor abdominal é um evento benigno e autolimitado. Todo mundo já sentiu dor na barriga de leve intensidade que desapareceu sem necessidade de tratamento médico. Todavia, quando a dor abdominal é de forte intensidade ou há outros sintomas associados, como febre, vômitos, prostração ou diarreia sanguinolenta, a avaliação de um médico faz-se necessária.

Neste artigo vamos abordar as principais causas de dor abdominal, explicando de modo simples como distingui-las. Não tente usar este texto para se autodiagnosticar, pois, sem exames de sangue e imagem, o diagnóstico de uma dor abdominal pode ser difícil até para médicos.

Órgãos abdominais e pélvicos

Nas ilustrações abaixo, mostramos os dois modos de dividir anatomicamente o abdômen. Essa divisão serve para facilitar a descrição e a interpretação do exame físico. Use estas ilustrações para acompanhar as explicações a seguir sobre as principais causas de dor abdominal.

Regiões do abdômen onde surge a dor de barriga

Todos os órgãos que se encontram dentro da cavidade abdominal e da cavidade pélvica são possíveis origens da dor na barriga. Algumas vezes, órgãos da cavidade torácica também podem causar dor abdominal, como é o caso do coração ou das inflamações nas bases dos pulmões.

Os órgãos dentro do abdômen que podem causar dor abdominal são: fígado, vesícula biliar, vias biliares, pâncreas, baço, estômago, rins, glândulas suprarrenais, intestino delgado (duodeno, jejuno e íleo) e cólon (incluindo apêndice).

Na região pélvica, por sua vez, os órgãos que podem ser a origem da dor abdominal são: ovários, trompas, útero, bexiga, próstata, reto e sigmoide (porção final do intestino grosso).

Localização da dor abdominal

Devido ao tipo de inervação da maioria dos órgãos abdominais, o cérebro tem mais dificuldade em localizar o ponto exato da dor.

A maioria dos problemas nos órgão abdominais ou pélvicos causam dor difusa ou ao redor do centro do abdômen. As exceções são os problemas nos rins, na vesícula, nos ovários ou no apêndice, cujas dores costumam ser mais laterais. Na ilustração mais abaixo é possível ver como os principais órgãos abdominais e pélvicos acabam por apresentar dores localizadas em regiões muito próximas umas das outras.

Portanto, a localização da dor ajuda, mas geralmente não é suficiente para uma segura elaboração das hipóteses diagnósticas. Além da localização, também é importante avaliar outras características da dor, tais como: tipo (queimação, cólica, pontada, pressão etc.), duração, intensidade, sintomas associados (como vômitos, diarreia, febre ou icterícia), fatores agravantes ou desencadeadores, região para onde a dor irradia etc.

Causas de dor na barriga em cada local do abdômen.
Principais causas de dor na barriga e suas localizações

Na maioria das vezes, a dor abdominal não indica nenhuma doença séria. A maior parte dos casos são cólicas intestinais associadas à alimentação gordurosa ou a intoxicações alimentares. As dores leves de barriga cuja duração é curta ou de algumas horas   derivam normalmente de dilatações do intestino acarretadas por gases. Quadros de ansiedade também podem causar dor abdominal de curta duração por  aumentarem o conteúdo de gases nos intestinos.

A dor abdominal preocupante é aquela que dura várias horas, às vezes dias, de grande intensidade, incapacitante ou associada a vômitos, febre e/ou prostração.

Causas comuns de dor no lado direito da barriga – abdômen direito

As dores de barriga no lado direito podem ser divididas em dores no quadrante superior direito e quadrante inferior direito.

As principais causas de dor no quadrante superior direito do abdômen encontram-se no fígado e na vesícula, com destaque para a cólica biliar, provocada por pedra na vesícula ou colecistite. Inflamações do fígado, como nos casos de hepatite viral, também podem provocar dor nesta região.

Lesões na porção inferior do pulmão direito, por sua vez, podem ser responsáveis por dor abdominal à direita sem origem no abdômen.

Em relação às dores no quadrante inferior direito do abdômen, distúrbios  intestinais são as razões mais prevalentes, com destaque para a apendicite. Nas mulheres, problemas no ovário, como a presença de um cisto, também são causas muito comuns (leia: CISTO DE OVÁRIO). Uma gravidez ectópica na trompa direita é outra possível causa.

Eventualmente, problemas no testículo ou um cálculo renal que tenha migrado para a região inferior do ureter podem manifestar-se com dor no quadrante inferior do abdômen (esquerdo ou direito).

Dor de origem muscular deve ser considerada, caso o paciente tenha feito esforço excessivo recentemente.

Causas comuns de dor no meio da barriga – boca do estômago

Dor no centro da barriga, também chamada de dor na boca do estômago, é geralmente provocada por problemas estomacais. A gastrite ou a úlcera péptica são as causas mais comuns. Já os problemas do pâncreas, como a pancreatite, costumam causar intensa dor abdominal em toda a metade superior, podendo irradiar para as costas. Tanto os problemas do estômago quanto os do pâncreas podem provocar  uma dor descrita como dor no fundo da barriga.

Dor de origem muscular também pode acometer esta região.

A dor decorrente do infarto agudo do miocárdio pode, em alguns casos, irradiar-se para a região central do abdômen, sendo possível confundi-la inicialmente com algum problema estomacal.

Causas comuns de dor no pé barriga – baixo ventre

Dores abdominais localizadas no pé da barriga, também chamado de baixo ventre ou região hipogástrica, originam-se habitualmente na bexiga ou no útero; este último, obviamente, só no caso das mulheres.

Infecção urinária (cistite) e cólica menstrual são as causas mais comuns.

Quadros diarreicos, como gastroenterite viral ou intoxicação alimentar, também podem provocar dores nessa região, mas geralmente estas são mais dispersas por todo o abdômen.

Gravidez não costuma causar dor, apenas uma sensação de peso. Porém, em caso de aborto em andamento, pode haver cólicas intensas.

Causas comuns de dor no lado esquerdo da barriga – abdômen esquerdo

Assim como do lado direito, as dores de barriga no lado esquerdo podem ser dividas em dores no quadrante superior e quadrante inferior.

No quadrante superior esquerdo, as dores mais comuns são as de origem muscular ou estomacal. Raramente, o baço, órgão localizado abaixo das costelas do lado esquerdo do abdômen, é causa de dor na barriga.

Assim como a dor epigástrica, o infarto também pode provocar dor no quadrante superior esquerdo da barriga.

Problemas na base do pulmão esquerdo são outras possíveis causas.

Na região central e inferior do abdômen esquerdo, por sua vez, os problemas intestinais, especialmente as gastroenterites e a diverticulite, costumam ser as principais causas.

Nas mulheres com dor no quadrante inferior esquerdo, disfunções nos ovários e uma possível gravidez ectópica devem sempre ser cogitadas.

40 causas de dor na barriga

Vamos abordar de forma bem resumida as 40 principais doenças que cursam com dor na barriga. Utilize os links presentes ao longo do texto para saber mais detalhes sobre cada uma das causas.

Gastrite e úlcera péptica

A gastrite e as úlceras de estômago ou de duodeno normalmente apresentam sintomas semelhantes: uma dor em queimação na região superior do abdômen, principalmente no epigástrio.

Essa dor na barriga é chamada de dispepsia e costuma surgir quando o estômago está vazio. Sua intensidade é muito variável e não serve para distinguir a úlcera de uma simples gastrite.

A presença de sangue nas fezes ou no vômito associada a um quadro de dispepsia costuma indicar úlcera sangrante. Idosos com dispepsia e anemia sem causa aparente também devem ser investigados para úlceras.

Colecistite e pedras na vesícula

A simples presença de pedras na vesícula, chamada de colelitíase, não costuma causar sintomas.Contudo, ocorre dor abdominal caso haja obstrução do ducto de drenagem da vesícula biliar por uma dessas pedras. Se a obstrução for prolongada, surge a colecistite, inflamação da vesícula.

Chamada de cólica biliar, essa dor costuma localizar-se no hipocôndrio direito e epigástrio e surgir logo após a ingestão de alimentos gordurosos. A dor da cólica biliar pode irradiar-se para as costas e para o ombro direito.

A cólica biliar simples, sem colecistite, costuma surgir com mais intensidade nas primeiras duas horas após a última refeição. Quando a dor é acompanhada de febre e vômitos e não melhora com o passar das horas, normalmente é  indício da presença de uma colecistite.

Pancreatite aguda

A inflamação do pâncreas, chamada de pancreatite aguda, normalmente ocorre em pessoas que abusam de bebidas alcoólicas.

Essa inflamação costuma surgir de 1 a 3 dias após grande ingestão de álcool, manifestando-se com uma intensa dor em toda a região superior do abdômen, incluindo ambos os hipocôndrios e o epigástrio. Além de durar vários dias, essa dor costuma estar acompanhada de vômitos e piorar após a alimentação.

Hepatite aguda

O termo hepatite refere-se à  inflamação do fígado. As hepatites mais comuns são causadas pelos vírus A, B ou C. A hepatite aguda, porém, pode surgir por várias outras razões, como intoxicações medicamentosa ou consumo excessivo de álcool

A hepatite aguda costuma provocar dor mal definida no hipocôndrio direito e estar associada à presença de icterícia.

Pedras nos rins

O cálculo renal costuma manifestar-se com intensa dor na região lombar, unilateralmente. Frequentemente se irradia para o abdômen, principalmente nos flancos. Se a pedra estiver obstruindo o ureter próximo à bexiga, a dor pode ser no hipogástrio ou na fossa ilíaca, expandindo-se para a região escrotal.

A cólica renal é considerada uma das formas mais intensas de dor que o paciente pode sentir.

Apendicite

A dor da apendicite costuma ser em crescendo e inicia-se difusamente, principalmente ao redor do umbigo, indo se localizar no quadrante inferior direito do abdômen somente quando se torna mais intensa.

É muito comum que o paciente também apresente febre, vômitos e um abdômen bem endurecido. Diarreia não é comum na apendicite.

Diverticulite

Um divertículo é uma pequena bolsa que se forma na parede do intestino grosso (cólon), semelhante a um dedo de luva, normalmente em pessoas acima de 60 anos. Sua inflamação é chamada de diverticulite.

A maioria dos divertículos que inflamam estão localizados na porção descendente do cólon, localizada à esquerda no abdômen. Em 70% dos casos, a diverticulite manifesta-se com uma dor no quadrante inferior esquerdo do abdômen em pessoas acima de 60 anos. Essa dor dura vários dias e costuma vir acompanhada de febre.

Quando ocorre inflamação de um divertículo na parte ascendente do intestino grosso (à direita), os sintomas são muito parecidos com os da apendicite.

Infecção intestinal e diarreia

As infecções intestinais, sejam elas de origem bacteriana ou viral, são causas comuns de dor abdominal. A manifestação mais comum é uma cólica abdominal associado a diarreia e/ou vômitos.

Infecções bacterianas graves podem provocar diarreia sanguinolenta, quadro conhecido como disenteria.

As parasitoses intestinais também são causa frequente de dor abdominal, que pode vir associada ou não à diarreia.

Cólica menstrual (dismenorreia)

As cólicas menstruais ocorrem na porção inferior do abdômen, geralmente na linha média, mas podem irradiar-se para as costas e coxas

Sintomas, como náuseas, suores, dor de cabeça, fezes amolecidas e tonturas podem estar associados.

Infecção urinária

Tanto a cistite (infecção da bexiga) quanto a pielonefrite (infecção dos rins) podem provocar dor abdominal. A cistite costuma causar dor no baixo frente associada a dor para urinar e micção frequente. Já a pielonefrite provoca uma dor mais difusa, inclusive nas costas, associada a intenso mal-estar, febre, náusea e vômitos.

Outras 30 causas de dor abdominal

Além das causas descritas acima, várias outras também podem causar dor abdominal ou pélvica, entre elas:

  1. Tumores dos órgãos abdominais ou pélvicos.
  2. Obstrução intestinal.
  3. Perfuração intestinal.
  4. Perfuração gástrica.
  5. Infarto e isquemia intestinal.
  6. Infarto esplênico.
  7. Gastroparesia.
  8. Aneurisma de aorta abdominal.
  9. Hérnias.
  10. Cetoacidose diabética.
  11. Doença de Crohn ou retocolite ulcerativa.
  12. Doenças dos ovários.
  13. Endometriose.
  14. Gravidez ectópica.
  15. Mioma uterino.
  16. Abscesso hepático.
  17. Abscesso esplênico.
  18. Anemia falciforme.
  19. Rins policísticos.
  20. Doença celíaca.
  21. Intolerância à lactose.
  22. Angioedema.
  23. Gastroenterite eosinofílica
  24. Cisto de ovário.
  25. intussuscepção do intestino delgado.
  26. Botulismo.
  27. Enxaqueca abdominal.
  28. Porfiria intermitente aguda.
  29. Doença inflamatória pélvica.
  30. Somatização (dor de origem psicológica).

Causas de dor abdominal originadas fora do abdômen

Algumas doenças de órgãos não localizados no abdômen/pelve podem apresentar dor abdominal. Esses tipos de manifestações são atípicas, mas volta e meia são vistas na prática médica. Entre essas causas podemos citar:

O que é a peritonite?

Os órgãos da cavidade abdominal não ficam soltos dentro da barriga. Eles são envolvidos por uma membrana muito vascularizada e inervada, chamada de peritônio.

A peritonite, a inflamação do peritônio, é um quadro grave, pois significa que alguma infecção/inflamação abdominal se tornou extensa o suficiente para acometer o peritônio. Como é bastante enervado, o peritônio costuma doer muito quando inflamado e, como é muito vascularizado, facilita a propagação de bactérias da região abdominal para o resto do organismo, podendo levar à sepse.

Os sintomas da peritonite são uma intensa dor abdominal difusa, associada a um enrijecimento da barriga derivado da contração involuntária da musculatura abdominal. O paciente costuma apresentar aspecto de uma pessoa doente. Além disso, normalmente há febre e vômitos associados.

Uma característica da peritonite é haver intensa dor quando apertamos a barriga e a soltamos rapidamente. Ao contrário das outras causas de dor abdominal, nas quais a dor é maior durante a pressão com as mãos, na peritonite há mais dor quando se tira a mão rapidamente do que quando se está apertando a barriga.

Uma característica da peritonite é haver intensa dor quando apertamos e, em seguida, soltamos rapidamente a barriga. Diferentemente das outras causas, nas quais há maior dor quando se pressiona o abdômen com as mãos, na peritonite há mais dor quando se tira a mão rapidamente do que quando se aperta a barriga.

A peritonite é uma complicação comum de várias doenças, como apendicite, diverticulite, perfurações de intestino ou estômago, colecistite etc., e deve ser tratada com cirurgia para remoção do órgão inflamado/infeccionado.

A presença de uma inflamação abdominal com peritonite é chamada de abdômen agudo.

Como diagnosticar uma dor abdominal

Na maioria dos casos, a investigação de uma dor abdominal suspeita é iniciada com um ultrassom do abdômen e da pelve. Grande parte das causas descritas acima podem ser identificadas com este simples exame. Em casos mais difíceis, a tomografia computadorizada do abdômen e da pelve ajuda bastante.

Quando há suspeita de lesão dentro de órgãos ocos, como o estômago e o intestino grosso, a endoscopia digestiva e a colonoscopia são, respectivamente, as melhores opções para investigação.

Leia também: MELHORES REMÉDIOS PARA DIFERENTES TIPOS DE DOR.

Referências


ARTIGOS SEMELHANTES
63 Comentários
  1. Adriana

    olá doutor meu nome é adriana,tenho 29 anos,ja faz 11 anos que convivo com uma dor constante no meu abdomen,desde q ganhei meu filho meu intestino nunca mais funcionou direito,tem vezes q chego a levar mais de 7 dias para ir ao banheiro,se eu forsar para evacuar chega a sangrar,ontem fiz exame de fezes e deu  que estou com ascaris lumbricoides,gostaria de saber se é grave,obrigado aguardo sua resposta..

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      É uma verminose. A principio basta tratar corretamente.

  2. Discretobq

    nos ultimos dias percebi que tem uma especie de secreção (semelhante a um pus), que acabao evacuando com as fezes, além de começar a sentir uma irritação (coceira) no anus na parte interior. Devo procurar um proctologista nesse caso?

    atte.

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      SIm.

  3. Vera

    Olá Dr. me chamo Vera e queria saber se um ultrassom abdominal é um bom exame para descobrir uma doença vinda de algum órgão ou se não… Obrigada

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Depende da doença.

  4. Dora

    minha mãe faleceu, o diagnóstico da morte foi:

    – disfunção de múltiplos orgãos e tecidos
    – abdome agudo obstrutivo
    – sepse grave de foco abdominal

    você pode me explicar o que tudo isso significa.

     

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      1- Sepse grave de foco abdominal significa uma infecção grave em algum órgão abdominal, geralmente intestinos, que se alastrou para o sangue.
      2- Abdome agudo obstrutivo, significa um obstrução intestinal com indicação cirúrgica.
      3- Disfunção de múltiplos órgãos ocorre por causa da sepse e é o que faz o paciente morrer em casos de infecção grave.

  5. Taniacmpadua

    Olá dr. tenho 36anos e desde outubro venho fazendo musculação com 02kg. de caarga e a pouco mais de um mês venho alternando com localizada , faço caminhada pela manha na pista de atletismo e as seg. e quar. esteira 30 mint. e bicicleta 15 minut., tudo com orientação de um personal. Mas há 2 semanas comecei a sentir dores no abdomem e naregião proximo ao quadril achei que  tinha lesado algum musculo da coxa e que a dor abdominal seria por conta da abdominal. ao caminhar  percebo que a dor se localiza principalmente no quadrante inferior direito do abdomem e erradia para a perna e para o quadrante superior  abdominal. Gostaria que me esclarecsse se pode ser pelomotivo do sedentarismo que antes eu tinha ou é alguma doença como apendicite.Tomo o anticoncepcional Selene sei que ele da varias reações , tenho ovarios policisticos , tomei Femima varios anos mas a minha pele estava cheia de acne e resolvi mudar o anti concepsional por conta propria  será que exite correlação?me responda se poder por favor.

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Esse tipo de dor tem características de dor muscular. Não tem nada a ver com dor de apendicite.

  6. Albidistribuidora

    ola venho sentindo uma dor do lado direito da boca do estomago com um pequeno inchaço, o que pode ser e que especialista devo procurar.obrigado

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Melhor começar por um clínico geral.

  7. Solange

    Olá! Meu nome é Solange. Fiz uma RM por causa de dores na perna esquerda e o resultado apresentou também um malformação do rim direito com localização mais baixa que o habitual (ectopia) e defeito rotacional. Estou com consulta marcada para o urologista para a próxima semana. Contudo, gostaria de saber se este diagnóstico seria a causa de dores e queimação que sinto do lado direito, principalmente se estico o meu corpo ou curvo por algum tempo? O local também fica dolorido se faço pressão em cima. 

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Sem te examinar é impossível afirmar qualquer coisa. Porém, parece-me pouco provável, afinal, se a dor fosse causada por esta alteração anatômica, você deveria tê-la desde que nasceu, já que está malformação não surgiu agora, não concorda?

  8. Paulah Fz

    Doutor os sintomas do cancer do intestino é diarreia ou prisao de ventre?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Pode ser um ou outro, ou até os dois alternadamente.

  9. Chris Schiavo

    Tenho diarreia quando como uma certa quantidade de comida (mais ou menos metade do que outras pessoas comem). Não sinto nada quando estou muito nervosa. Isso ainda pode ser SII?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      SII não costuma ser assim. Vá a um gastroenterologista.

  10. Diana Lima

    Dr sinto muita dores do lado parecendo que e o rim mas nao e fui ao medico e ele me disse que estou com pedras na vesicula o que devo fazer

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      O médico que fez o diagnóstico não te orientou?

  11. rodrigo

    Exercicio de abdominal causa dores?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Se for feito em excesso ou por pessoas que não estão acostumadas a fazê-lo, sim.

  12. Guest

    Boa tarde. Esta manhã acordei sem sentir nada mas 5 minutos após levantar, comecei a sentir uma dor severa no lado direito. Senti tão mal que cheguei a vomitar. A dor só melhora quando deito, mas é só levantar que a dor piora. Obstrução intestinal pode causar isso?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Este quadro está muito inespecífico. Há dezenas de outros diagnósticos possíveis. Se a dor persiste, procure um médico.

  13. disqus_79nxBzBLct

    Dr. boa tarde !
    Tenho sentido ultimamente dores muito forte barriga parecida com cólicas, li o artigo acima mas não encontrei nenhuma informação para as dores que sinto. O que faço ?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Procure um médico.

  14. gloria

    Dr.a minha irmã teve uma forte dor no abdome e foi ao banheiro achando que fosse dor de barriga quando ela sentiu sair como se fosse diarreia quando ela olhou era sangue ela ficou apavora, só que de pois disso ela não sentiu mais nada, porfavor mande resposta urgente.

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Tem que procurar atendimento médico.

  15. Valéria

    Bom dia Dr.

    A inflamação do pâncreas pode causar dor abdominal e dor
    lombar simultaneamente? É provável sua manifestação também em pessoas que não
    ingerem bebida alcoólica?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Sim e sim.

  16. Ane

    Boa tarde,

    A umas 2 semanas estou com uma dor perto do umbigo ( uns 4 dedos para o lado esquerdo do umbigo). A dor é leve mas incomoda.
    Fui em um medico e ele apalpou minha barriga de varias formas e disse não ser nada.

    É comum isso?
    ou devo procurar um outro medico?

    Obrigada

    1. Pedro Pinheiro

      Se a dor persiste, procure outra opinião.

  17. Andreia sergio

    sinto uma dor horrível do lado esquerdo abaixo do umbigo já na pelve .Já procurei um medico que me passou ultrassom abdome total e um outro uma transvaginal , além de sangue e urina, só que os exames deram normais ,e a dor continua principalmente uma semana antes da mestruasão .o que eu faço?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Procure o seu ginecologista. Pode ter relação com a ovulação ou ser um agravamento da sua cólica menstrual.

  18. Maurilea Silva

    Quando eh o momento de se procurar um medico quando se tem uma dor abdominal no lado esquerdo, abaixo da costela que tem longa duracao (cerca de 6 meses) mas com baixa intensidade? Eh uma dor que as vezes da uma folga de poucos dias e depois volta. E que especialidade seria?

    1. Pedro Pinheiro

      Acho que já é o momento. Ninguém deve passar tanto tempo com dor. O especialista é o gastroenterologista.

  19. Bruno

    Doutor,
    Fiz colonoscopia a 1 ano e 2 meses,não possuo caso de cancer na familia,mas nos ultimos 3 meses ao pressionar o lado esquerdo do abdomem inferior sinto uma dor divusa.
    E minhas vezes estão variando de pastosas a duras,com coloração amarelada!
    Será que necessito fazer outra colonoscopia?De quanto em quanto tempo é necessário esse exame?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Não precisa fazer colonoscopia todo ano. O ideal agora é ser avaliado por um gastroenterologista.

  20. Mateus

    Doutor, estou com uma prisão de ventre a dois dias, é necessário procurar um médico??

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Se forem só dois dias e você não tiver mais nenhum outro sintoma, pode-se tentar laxantes antes de procurar um médico.

  21. Simony

    Dr. Nos ultimos 4 meses tenho tidos diarreias constantes com dores forte no abdomen. Algumas vezes eu nem consigo terminar de almoçar e ja tenho que correr para o banheiro. O que pode ser?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Não dá para adivinhar. É preciso investigar com exames para saber.

  22. Vitinho Silva

    Comecei a fazer exercícios físicas, e de uns dois dias pra cá eu venho sentido uma dor no canto direito do abdômen quando contrai-o a barriga. É algo grave Dr. ?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Provavelmente é de origem muscular.

  23. Randerson Melville

    Dr. Bom dia, Atualmente sinto fortes dores na região abdominal.. Elas vem muito fortes mas depois de um tempo passam. Esses dias tive uma muito forte durante a madrugada. O que pode ser? Que especialista devo procurar? Fico com receio de ser algo mais grave.

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Gastroenterologista.

  24. Marcos

    Dr. Boa noite! Eu tomei antibióticos para tratamento dentário e na mesma semana comecei a sentir dores na região do abdomem. Começou abaixo do umbigo e agora doi perto das costelas, um pouco à direita do centro. Seria efeito colateral? Não tive febre e nenhuma disfunção.

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Pode ser.

  25. Henriqueta Moraes

    Ola Dr. Estou sentindo uma dor na região 7 do desenho. Quase todos os meses ela vem aparecendo. Fui ao ginecologista e na ultra deu cisto nos 2 ovários, estou tomando o Elani28 sera q piorou a situação??

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Não deve ter piorado. Você já leu nosso artigo sobre cisto no ovário? https://www.mdsaude.com/2014/04/cisto-no-ovario.html

  26. jacijt@gmail.com

    Participei de um evento que tive que andar 2km depois correr 5km estou sentindo dor abdominal será que tem alguma coisa haver com tanto esforço?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Pode ser dor muscular.

  27. Eduardo Wolf

    Doutor o que pode ser uma leve dor estomacal,fiz uma eco e deu figado e baço levemente aumentados,meu medico disse q n era nada grave,devo procurar uma segunda opinião?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Se a dor permanece, sim.

  28. Silva

    Dr. Pedro boa noite.

    Sinto um desconforto na região baço (Flanco esquerdo) a vários dias, tem dia que não doi, tem dia que doi várias vezes ao dia, dor toleravel mais encomoda, acabei de passar por um tratamento de calculo renal e nesse ultimo exame de tomogragia com contrate (dentro das normalidades), urologista encaminhou para um gastro, isso é sintoma de gastrite, atravez de um endoscopia consegue chegar no diagnostico?

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Se for gastrite a endoscopia fará o diagnóstico.

  29. Victor Murilla

    Dr. me chamo Victor, eu tenho Cálculo renal do lado esquerdo, e toda vez em que vou ter atos sexuais com minha mulher na hora em que vou ejacular meu abdome dói muito do mesmo lado esquerdo, Você acha que pode ser o Cálculo renal? ou devo procurar um médico na área? e qual o médico se precisar ? Desde já agradeço a Atenção.

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD.Saúde

      Não me parece que seja do cálculo. Procure um urologista.

  30. mara duarte

    faço academia e ontem fui fazer abdominal e parece e rebentou algo dentro de mim lado direito bem em baixo da barriga mta dor ???

    1. Dr. Pedro Pinheiro - MD. Saúde

      Pode ter feito uma distensão muscular. Quando é na musculatura do abdômen, é realmente muito incômodo.

  31. cidadão brasileiro

    bom dia ,Dr. Pedro Pinheiro – MD. Saúde olha ,venho por meio deste , parabeniza-lo por tal iniciativa se todo , médico brasileiro, tivesse a iniciativa de ajudar ao próximo ,ou pelo menos tentar faze-lo, mesmo a distancia como o sr:Dr. Pedro Pinheiro – MD. Saúde faz , digo o Brasil e o Mundo seriam bem melhor……….mais uma vez PARABÉNS pelos serviços prestados a sociedade…!!

  32. Camila Fengen

    Dr Pedro, seus artigos e comentários são ótimos, ainda que a gente tenha que acabar procurando um médico no fim das contas. Parabéns pela sua dedicação na internet, esclarecendo nossas dúvidas de forma ética, responsável.

  33. Eli Alves de souza

    Muito bom, um conteúdo!completo e bem explicado parabéns sucesso .

Qual é a sua dúvida?

Antes de comentar, leia as REGRAS PARA COMENTÁRIOS.

Seu email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. OkSaiba mais